LONDRES — Com casamento marcado para o dia 19 do próximo mês, o príncipe Harry e Meghan Markle pediram nesta segunda-feira doações de caridade em vez de presentes de casamento. O palácio de Kensington anunciou é desejo dos noivos que o “maior número possível de pessoas se beneficiem do espírito de generosidade” gerado pelo anúncio da união.

“O casal pediu que qualquer um que deseje marcar a ocasião considere fazer uma doação à caridade em vez que enviar um presente de casamento”, lê-se na nota.

Harry e Meghan escolheram pessoalmente sete opções de instituições de caridade para indicar aos doadores em potencial. As entidades, segundo o palácio real, “refletem os valores compartilhados” pelo casal, embora os dois não tinham relação formal com nenhuma delas.

Entre as causas celebradas no anúncio real estão o empoderamento feminino, a conservação do meio ambiente, a conscientização com o HIV e os cuidados com pessoas em situação de rua e órfãos de pais militares. Veja as organizações indicadas por Harry e Meghan:

The Children’s HIV Association (CHIVA) apoia crianças que cresceram com HIV e suas famílias, no Reino Unido e na Irlanda. A causa era cara à mãe de Harry, princesa Diana. A entidade se dedica ao bem-estar dos portadores do vírus e a oportunidades de futuro para eles.

Crisis é uma organização nacional para pessoas em situação de rua. A instituição se dedica a ajudar essas pessoas a reconstruírem a vida e deixarem as ruas de vez.

Myna Mahila Foundation empodera mulheres nas favelas urbanas de Mumbai, com apoio profissional e pessoal para que cresçam como indivíduos e empreendedoras. A entidade oferece emprego fixo perto de casa e vende a custo baixo absorventes na tentativa de quebrar o tabu da menstruação. A organização ainda dá aulas de inglês, matemática e defesa pessoal. Meghan conheceu o trabalho em janeiro do ano passado.

Scotty’s Little Soldiers presta assistência a crianças que perderam um parente enquanto ele servia nas Forças Armadas britânicas, nas quais Harry serviu.

Surfers Against Sewage é uma unidade nacional de conservação que inspira, une e empodera comunidades para proteger oceanos, praias, ondas e a vida selvagem.

The Wilderness Foundation UK se dedica a estimular a relação com a natureza. Ao ar livre, a entidade ajuda a construir resiliência em jovens vulneráveis, introduz emprego rural à população urbana e leva a ciência para a vida cotidiana.