Enquanto se prepara para mostrar ao público brasileiro a sua personificação como Sharon Tate no filme Era Uma Vez em… Hollywood, de Quentin Tarantino, Margot Robbie já inicia os trabalhos para lançar, também, Aves de Rapina. No entanto, por mais que as duas obras não pareçam ter nenhuma semelhança, existe uma fonte em comum de inspiração: o próprio Tarantino.

Durante uma entrevista à MTV, Margot contou sobre como seu novo longa evoca sensações provocadas por Quentin no cinema: “O estilo dele foi, definitivamente, uma referência. Em Pulp Fiction, quando Uma [Thurman] e John Travolta estão juntos, tomando milkshake, ela explica sobre um piloto de TV que filmou. Se eu não me engano, o diálogo foi baseado em uma série que Uma de fato tentou fazer”.

De acordo com Robbie, a referência do “Tarantinoverso” quase virou realidade: “E aí ela fala sobre o Fox Force Five [um grupo de cinco mulheres assassinas, citadas em Pulp Fiction e reaproveitadas em Kill Bill]. No nosso filme [Aves de Rapina], temos cinco mulheres proeminentes, então há a possibilidade de uma referência. Até perguntei a Quentin se poderíamos usar ‘Fox Force Five’ como nosso título de trabalho, e ele só riu”.

Birds of Prey (título original)contará a história da parceria entre a Arlequina com Canário Negro (Jurnee Smollett), Caçadora (Mary Elizabeth Winstead), Cassandra Cain (Ella Jay Basco) e Renée Montoya (Rosie Perez) na luta contra o vilão Máscara Negra (Ewan McGregor). Dirigido por Cathy Yan (Dead Pigs) e roteirizado por Christina Hodson (Bumblebee), o filme quase exclusivamente com mulheres nas posições de comando.

Facebook Comments