A banda brasiliense Gypsy Jazz Club conquistou, no último domingo (23/06/2019), um Independent Music Awards. A 17ª edição do prêmio elegeu Menestrel, disco do quarteto, o Melhor Álbum Instrumental de 2018. O evento, voltado para artistas independentes, celebra não só a música, mas o vídeo, a fotografia e o design.

Formado pelos músicos brasilienses Victor Angeleas (violão tenor e bandolim de 10 cordas), Pedro Vasconcellos (cavaquinho), Eduardo Souza (violão manouche) e Igor Diniz (contrabaixo acústico), o Gypsy Jazz Club mescla jazz manouche – estilo inventado na França, que pode ser traduzido literalmente como “jazz cigano” – e música brasileira, de onde vêm as influências e vivências musicais de seus integrantes.