Completamente apaixonada pela arte e atuação, Carol Ratton, com apenas nove anos, vem se tornando um dos grandes nomes mirins no teatro no Rio de Janeiro, com 5 espetáculos em apenas 2 anos em seu currículo. Para este início de 2020, a pequena notável se prepara para sua estreia no cinema em dose dupla.

Ela está no elenco dos filmes “Dona da Mente” e “Voo ou não Voo”, que serão exibidos no próximo dia 25 de janeiro numa mostra de cinema no Cinesytem Américas, no Recreio – – a mostra “CurtaSystem”, que acontece das 16h às 21h.Para a estreia nas telonas, Carol leva toda sua desenvoltura, presença de palco e naturalidade ao atuar; características já destacadas por diretores e também pela imprensa. Em “Dona da Mente”, a atriz mirim dá vida à Sabine, uma menina médium, e em “Voo ou Não Voo” ela interpreta a surtada Betina Rios. 

Sempre gostei muito de interpretar personagens, mesmo nas minhas brincadeiras em casa. Gosto de imitar vozes e cantar. Pensando nisso, meus pais me levaram para um curso de teatro quando tinha sete anos. Alí, descobri que levava jeito, e todos os meus professores confirmaram isso. Aos oito anos, fiz minha primeira peça, chamada No Mundo da Música, e depois não parei mais.

Com experiências no teatro, esse ano você estreará nos cinemas com “Dona da Mente” e “Voo ou não Voo”. Como estão as suas expectativas para esses projetos?

Em “Dona da Mente”, você viverá a menina médium Sabine. Como está sendo seu estudo para dar vida a uma personagem que tem essas características especiais?

Com a ajuda dos meus pais, aprendi um pouco sobre o que é mediunidade e paranormalidade. Vi alguns papéis famosos com atrizes reprentando esse tipo de personagem. Construí a Sabine juntando um pouquinho de cada uma delas e colocando meu jeitinho pessoal.

Não importa como você é, o que você sente ou pensa: Você sempre pode viver uma outra vida representando e, assim, crescer como pessoa. Seja sempre você e nunca deixe de seguir seu sonho! 

Com texto de Leon Borghes e direção de Juliana Kelling, ‘Dona da Mente’ traz a família Amâncio numa história de amor e ódio nos limites do sobrenatural. Sabine, personagem de Carol Ratton, é a filha mais nova de Hélio. Menina que possui mediunidade avançada. Sente a presença da mãe e prevê algumas coisas. Sente que a família está sendo dominada por uma força estranha e fica angustiada porque não acreditam em suas clarividências.

Sobre “Voo ou Não Voo”:A companhia aérea Can Fly AirLines com destino a Dubai, faz uma viagem com voo fretado para o Beauty Congress. Um congresso de beleza nos Emirados Árabes. Em quase 15 horas de voo a tripulação se vê em uma aventura nas alturas. Exaltando as personalidades mais contrastantes de uma turbulenta viagem. O filme tem direção de Juliana Kelling. Carol Ratton vive Betina Rios. Sem muitas condições financeiras, ela tem acrofobia (medo de altura). Seu pavor com avião acaba contagiando algumas pessoas ao redor. 

TV é Brasil é um portal de notícias sobre a TV Brasileira, aqui você irá encontrar notícias sobres esportes, entretenimento, cinema e muito mais! Contato: contato@tvebrasil.com.br

Facebook Comments