Câmara elege mesa executiva com nomes experientes na liderança

O resultado da eleição para a Mesa Executiva da Câmara de
Londrina aponta que a experiência se fez valer. Nos próximos dois anos, o
vereador Jairo Tamura (PL) será o presidente do Legislativo na cidade. A
direção ainda contará com Daniele Ziober (PP) como vice-presidente, Ailton Nantes
(PP) como 1º secretário, Sônia Gimenez (PSB) como 2ª secretária e Mara Boca
Aberta (PROS) como 3ª secretária. “A grosso modo, é possível perceber que não
haverá grandes novidades e a renovação de 13 assentos não se fez valer. Pelo
menos nestes dois primeiros anos, os mais experientes deverão dar o tom, até
que os mais novos ganhem maior fôlego”, avaliou o cientista político Elve
Cenci, professor da UEL (Universidade Estadual de Londrina).

A grande novidade na composição da chapa é a presença de
Mara Boca Aberta, que, segundo o analista, chegou ao posto com o poder de seu
eleitorado. A neófita – mulher do deputado federal e candidato derrotado a
prefeito Emerson Petriv, o Boca Aberta (PROS) – foi a mais votada nas últimas
eleições e recebeu 6.192 votos. “Em outras legislaturas já tivemos um
protagonismo maior da Câmara. Este resultado mostra a força do prefeito Marcelo
Belinati (PP), que deve manter um ambiente amigável para ele, mas representa o
mesmo erro da legislatura passada. Devemos ter uma Câmara subserviente, o que
não parecia ser a vontade do eleitor, que renovou grande parte dos nomes”,
opinou Cenci.

Elvi Cenci, cientista político e professor da UEL | Gina Mardones/07/08/2018

POSSE

A eleição da mesa da Câmara aconteceu na noite de
sexta-feira (1º), numa sessão realizada logo após a cerimônia de posse dos
vereadores da 18ª Legislatura, seguida pela do prefeito Marcelo Belinati (PP) vice
e João Mendonça (PP). “Temos que fazer muitas coisas pela cidade, os desafios
são gigantescos, mas tenho certeza que vou fazer um segundo mandato ainda
melhor que o primeiro. Com foco absoluto no desenvolvimento econômico e social,
na construção de uma cidade com oportunidade a todos e que garanta qualidade de
vida. Cada vez melhor”, discursou o prefeito.

Leia também  Genética boa! Fábio Jr reúne os cinco filhos em Natal antecipado

Conforme determina o Regimento Interno da Câmara, o plenário
deliberou se a sessão para eleição da próxima Mesa Executiva ocorreria
imediatamente ou em até 48 horas. Os presentes decidiram que a eleição seria
realizada na sequência. Os trabalhos, então, foram suspensos
para a composição das chapas. Houve apenas uma chapa inscrita e a votação
ocorreu de forma nominal e aberta. Dos 19 vereadores, 14 votaram a favor da
chapa única e cinco se abstiveram de votar: Beto Cambará (Podemos), Deivid
Wisley (PROS), Eduardo Tominaga (DEM), Giovani Mattos (PSC) e Santão (PSC).

PRESIDENTE

Em seu terceiro mandato, Jairo Tamura, 56 anos, é formado em agronomia e direito e ocupou a presidência da ACEL (Associação Cultural e
Esportiva de Londrina) entre os anos de 2007 e 2008. Esta será a segunda vez que
Tamura ocupa do cargo de presidente da Câmara de Londrina, função que
desempenhou interinamente em 2009 – quando o então presidente Padre Roque
assumiu o posto de prefeito devido à impugnação de Antonio Belinati.

Em relação
aos desafios que encontrará pela frente, o novo presidente da Câmara enfatiza
que apostará em discussões pacíficas com os vereadores eleitos para a atual
gestão e prevê um bom relacionamento com o prefeito Marcelo Belinati. “Fui
líder do prefeito até o final do mandato anterior. E essa experiência trouxe
uma bagagem importante. Vou prezar muito pelo estreitamento nas discussões dos
projetos que são da Câmara e também do Executivo. Acredito que, apesar de estarmos
comandando poderes independentes, teremos uma relação bastante pacífica”,
ressaltou (com Marcos Roman).

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?