Com a decisão entre Flamengo e Athletico, neste domingo (16), às 11h, no Mané Garrincha, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) busca emplacar a Supercopa do Brasil.

A entidade está investindo no duelo entre os campeões do Brasileirão e da Copa do Brasil para que o torneio se valorize. O torneio já foi disputado duas vezes, em 1990 e 1991, mas não vingou.

O cenário é favorável para a CBF, que investiu pesado. Com o Flamengo, que possui a maior torcida do país, vivendo excelente fase, o interesse da mídia aumentou. Para ganhar a atenção dos clubes, a CBF também garante uma alta premiação – R$ 5 milhões ao campeão e R$ 2 milhões ao vice.

Outra tacada foi buscar dar peso ao confronto. Por isso, coletivas conjuntas estão sendo feitas com técnicos e jogadores dos dois adversários. A primeira foi realizada no Rio de Janeiro com os técnicos Dorival Junior e Jorge Jesus, além dos capitães Wellington e Diego ainda no dia 4 de fevereiro. Na véspera da partida, uma nova coletiva está agendada no estádio com os dois treinadores.

Já para a hora do jogo, o show da dupla sertaneja Maiara e Maraisa irá abrir o evento. Já nas arquibancadas do Mané Garrincha, ingressos com o preço salgado para pagar a conta salgada do investimento. Os preços variam de R$ 200 (R$ 100 meia-entrada) até R$ 500 no “supercamarote” com comes e bebes liberados. Outra ação promocional foi a distribuição de entradas em pontos turísticos de Brasília. Os bilhetes foram escondidos e a CBF divulgou “pistas” nas redes sociais para os torcedores procurarem.

A CBF promete escolher a cada ano uma sede diferente para o torneio em jogo único. Brasília, por exemplo, foi escolhida após o término das competições, com a entidade já conhecendo os dois postulantes ao título.

O Flamengo tem a maior torcida na capital do país e joga com frequência no Mané Garrincha, considerado pelo clube como a “segunda casa” quando está longe do Maracanã. Chance também para o “jogo de abertura” da temporada nacional ser um ponto de encontro da cartolagem nacional.

Já a Globo arrematou os direitos de transmissão exclusivos. Segundo o jornalista Rodrigo Mattos, o valor pago foi entre R$ 1 milhão e R$ 2 milhões. A emissora também está valorizando a partida e escalou o time principal comandado pelo narrador Galvão Bueno.

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Comentários