Júlia Lourenço criou um quadro em sua página do Instagram chamado “Ladra de Looks”, onde imita os estilos de diferentes celebridades. Entretanto, ela não estava pronta para a repercussão que seu post no qual imitava os looks de Faustão teria. Na postagem, ela usa uma série de camisas e calças inspiradas em peças usadas pelo apresentador da TV Globo. Ao UOL, ela conta que teve a ideia ao ver como as camisas de Faustão causavam furor nas redes sociais domingo após domingo.

Eu queria achar alguém inusitado. Eu até pensei em fazer com a Ana Maria Braga, com a Fátima Bernardes, mas olhando os looks delas eu achei que era meio difícil de copiar. Eu pensei no Faustão: ‘ele ficou em alta no Twitter há um tempo atrás por causa das camisas dele’.

Júlia pegou roupas emprestadas de seu pai para compor os looks e tentou adaptá-los para seu próprio estilo. A blogueira, cujo post já ultrapassou mil comentários e 5 mil likes, agora tem esperança de que sua publicação chegue até o apresentador, a quem julga “estiloso”.

“Comecei a prestar a atenção quando falaram que ele usava camisetas de umas grifes bem famosas e caríssimas, você passa a entender que ele é uma pessoa estilosa. Ele não é muito básico. Ultimamente ele tem usado camisas que realmente chamam a atenção do público. Acho isso legal, dentro do estilo masculino ele consegue se sobressair”.

Começaram a compartilhar muito o post. Comentei que meu sonho seria o Faustão falar meu nome naqueles papéis dele. Uma menina me mandou mensagem dizendo que ‘estava organizando isso’. Acho que ela trabalha no meio, na Globo, não sei. Achei o máximo.

Júlia começou uma faculdade de moda, mas, nas palavras dela, o curso era muito prático, e ela pensava muito mais em formas de comunicar moda do que produzir moda. Por isso, começou a estudar jornalismo e decidiu abrir um canal para falar de sua paixão.

“Estou quase me formando em jornalismo. Sempre quis linkar esse conteúdo da moda com entretenimento, com jornalismo. Essa foi a maneira que eu encontrei. No início eu relutava um pouco porque eu achava que esse universo de influenciadores de moda já estava saturado. Mas depois de um tempo percebi que as comunidades de cada influenciador se interessam não só pelo conteúdo, mas se veem naquela pessoa. Cada pessoa vai ter seu público”, afirma ela.

Júlia já chegou a estar no programa de Faustão como integrante da plateia e se lembra de ser experiência “emocionante”. Quem sabe o apresentador não a chama para compor um look qualquer domingo desses?

Comentários