O Ciclo “Aula de Cinema”, que acontece todo mês no Museu da Imagem e do Som (MIS), de Campinas, com curadoria do crítico de cinema e jornalista Ricardo Pereira e de Gustavo Sousa, exibe dois títulos em sua programação de setembro: “Girlfriends”, de Claudia Weill, e “No Limiar da Vida”, de Ingmar Bergman.

Sábado, 8 de setembro, 19h30GIRLFRIENDS
Direção: Claudia Weill
Sinopse: Uma fotógrafa, Susan Weinblatt, sustenta-se fotografando retratos de bebês enquanto procura uma exposição de seu trabalho em uma galeria. Sua melhor amiga e colega de quarto, Anne Munroe, é uma aspirante a escritora. Depois que ela vende três de suas fotos para uma revista, Susan acha que deixou o mundo de retratos e fotografias de casamento atrás dela, mas sua vida começa a desmoronar quando Anne se muda e se casa com seu namorado, Martin, e ela não consegue vender mais fotografias. Drama independente financiado por uma doação de US $ 10.000 da American Film Institute atribuído a Claudia Weill, que arrecadou mais dinheiro de sua família e amigos. Depois de ter sido premiado na primeira edição de Toronto, o filme foi distribuído pela Warner, recebendo então uma indicação ao Globo de Ouro.

Sábado, 29 de setembro, 19h30NO LIMIAR DA VIDA
Direção: Ingmar Bergman
Cecilia Ellius (Ingrid Thulin) é trazida para a sala de emergência de um hospital depois que começa uma hemorragia em sua gravidez de três meses. Ela sofre um aborto espontâneo e é colocada no Quarto E, no qual duas futuras mães, Stina (Eva Dahlbeck) e Hjördis (Bibi
Andersson), já estão instaladas. Stina é forte e saudável, mas seubebê está atrasado. Hjördis está esperando uma criança indesejada e já tentou fazer um aborto. Quando a noite chega, o trabalho de parto de Stina começa. Suécia, 1958. Preto e Branco, 84 min.