Um prato que inevitavelmente vem à cabeça quando se fala em culinária japonesa, o sushi pode ser servido desde porções mais simples e de preço acessível até combinações mais rebuscadas e de preço mais “salgado”. Vamos conferir aqui algumas curiosidades sobre um dos pratos japoneses que caíram nas graças das mesas brasileiras a ponto de existir temaki com maionese!

1. O tempo que se leva, em média, para se treinar um sushi chef (conhecido como itamae) é de dez anos. As tarefas para se aperfeiçoar na arte de se fazer o sushi vão desde a limpeza do arroz até como usar a tábua específica para se cortar os ingredientes.

2. Tradicionalmente, mulheres não são permitidas a se tornarem sushi chefs. A justificativa para isto é que o calor e perfume das mãos femininas atrapalharia no desempenho da função, o que causaria, inclusive, a contaminação do peixe (será?).

3. Nas origens do prato, um “noren” (pequeno restaurante) sujo era a melhor indicação de um bom restaurante de sushi. Os clientes limpam suas mãos nas cortinas ao saírem e toda essa lambança era um indicativo de que um noren tinha muitos clientes. Tire suas próprias conclusões, hehehe…

4. “Sushi” ou “zushi”? Ambos os termos são amplamente usados, porém existem diferenças entre eles. Enquanto “Sushi” é mais geral e não faz distinção sobre os tipos do alimento, “zushi” diz respeito a um tipo em específico da iguaria como inari-zushi, maki-zushi, dentre outros.

5. Há muitas variedades de Sushi: O nigiri é uma bolinha de arroz com vinagre e um peixe fresco em cima, o gunkan é envolto de algas mais suaves, temaki é como uma “casquinha de sorvete” de alga, os maki-zushis são peças envoltas com alga em variadas densidades e assim por diante.

Leia também  The Boys | Conheça Curiosidades da série de sucesso da Amazon – que é paródia da Liga da Justiça

9. Originalmente, o arroz para sushi era jogado fora, não usado em uma receita com peixe. O arroz era usado como parte de um método de preservação para pesar os peixes e ajudar na fermentação ao curso de vários meses, então jogado fora. Ao longo do tempo, o sushi era comido em tempos cada vez mais curtos de fermentação e o arroz começou a ser comido com peixe ao ser fermentado somente por alguns dias.

close

🤞 Não perca nada!

Assine nossa newsletter e receba novidades e ofertas exclusivas!

Comentários

Você não precisa sofrer pra fazer dieta.

Conheça o Desafio 19 dias!