A Copa da Russia será a 21ª edição da Copa do Mundo. Nas 20 anteriores, em menos da metade o país-sede chegou à final: oito oportunidades. Seis foram campeões e apenas dois perderam a decisão. Brasil, em 50, e Suécia, em 58, tiveram o dissabor de alcançar o jogo final e cair diante de seus torcedores. Em 1950, o clima era de festa, com o Maracanã recebendo mais de 200 mil pessoas, segundo os registros dos jornais da época. O estádio, construído justamente para a competição, acabou sendo palco de uma das maiores tragédias do esporte nacional. A Seleção precisava apenas empatar para ser campeã mundial pela primeira vez, mas perdeu do Uruguai por 2 a 1, de virada, na última rodada do quadrangular final e acabou sendo vice. O gol de Ghiggia erigiu a sombra do Maracanazo.

Oito anos depois, o escrete canarinho enfim chegaria ao topo do mundo, fazendo os suecos experimentarem o amargo sabor de perder a decisão em casa. Os 5 a 2 para a Seleção, que tinha Pelé, Garrincha, Didi e outros, deram fim ao que Nelson Rodrigues chamou de “complexo de vira-latas”. A Suécia nunca mais chegaria a uma final, ficando o mais perto em 94, quando perdeu justamente para o Brasil na semifinal – 1 a 0, gol de Romário -, na trajetória do tetracampeonato. O duelo, aliás, é o que mais aconteceu na história dos Mundiais ao lado de Alemanha x Argentina (saiba mais aqui).

O DESEMPENHO DO PAÍS-SEDE NOS MUNDIAIS 1930 – Uruguai campeão 1934 – Itália campeã 1938 – França eliminada nas quartas pela Itália (3 x 1) 1950 – Brasil derrotado na decisão pelo Uruguai (2 x 1) 1954 – Suiça eliminada nas quartas pela Áustria (7 x 5) 1958 – Suécia derrotada na decisão pelo Brasil (5 x 2 ) 1962 – Chile eliminado nas semifinais pelo Brasil (4 x 2) 1966 – Inglaterra campeã 1970 – México eliminado nas quartas pela Itália (4 x 1) 1974 – Alemanha campeã 1978 – Argentina campeã 1982 – Espanha eliminada na segunda fase em grupo com Alemanha e Inglaterra 1986 – México eliminado nas quartas pela Alemanha, nos pênaltis 1990 – Itália eliminada na semifinal pela Argentina, nos pênaltis 1994 – Estados Unidos eliminados nas oitavas pelo Brasil (1 x 0) 1998 – França campeã

2002 – Japão eliminado nas oitavas por Turquia (1 x 0); Coreia do Sul eliminada nas semifinais pela Alemanha (1 x 0) 2006 – Alemanha eliminada nas semifinais pela Itália (2 x 0) 2010 – África do Sul eliminada na primeira fase 2014 – Brasil eliminado pela Alemanha nas semifinais (7 x 1)

Comentários

Você não precisa sofrer pra fazer dieta.

entre para o Desafio 19 dias