RIO (OREPORTER.COM) – Neste dia, mas há 30 anos, o seriado japonês “Jiraiya” chegava ao Brasil. As aventuras do incrível ninja invadiam a grade de programação da extinta Rede Manchete, fazendo com que o herói fizesse sucesso até hoje.

2 – Jiraiya foi a sétima série da franquia Metal Hero, os heróis de metal da Toei. Ela veio depois de Gavan (1982), Sharivan (1983), Shaider (1984), Jaspion (1985), Spielvan (1986) e Metalder (1987), sendo que a ordem de exibição não foi a mesma para os brasileiros. Na época em que Jiraiya chegou ao Brasil, apenas Jaspion havia sido exibido por aqui.

3 – Jiraiya foi uma tentativa da Toei em variar um pouco o gênero Metal Hero. Os seriados anteriores tinham em comum o uso de naves e aparatos tecnológicos, enquanto que Jiraiya tinha o combate corporal e a sua Espada Olímpica como principais habilidades.

4 – Jiraiya conta a história de Touha Yamashi (Takumi Tsuitsui). Ele foi adotado pelo mestre ninja Tetsuzan Yamashi (Masaaki Hatsumi) e se tornou o 35º representante do clã dos Togakuri, recebendo a armadura e a identidade Jiraiya. 

5 –  Os Yamashi acabam entrando em conflito com a Família de Feticeiros por estar em posse da metade de uma placa que está a inscrição sobre o paradeiro de Pako, uma cápsula alienígena de energia. A outra metade foi levada por Oninin Dokusai, que passou a liderar o clã rival.

6 – A Família de Feiticeiros é composta por Dokusai, sua filha Benikiba, especialista em disfarces; e seu filho adotivo Retsuga, que protagoniza várias lutas contra Jiraiya. Como aliados eles têm os Ninjas Pássaros Karasutengus, que são seus soldados, e o Império dos Ninjas, guerreiros dos mais diversos tipos e nacionalidades que também procuram por Pako. No decorrer da história, alguns ninjas do Império acabam se aliando a Jiraiya. 

7 – Jiraiya tem ao seu lado sua irmã Kei Yamashi (Megumi Sekiguchi), uma adolescente que busca aprender a arte ninja e também ganha uma armadura branca, adotando a identidade Himenin Emiha. O irmão mais novo é Manabu Yamashi (Takumi Hashimoto), um garoto de oito anos que também ajuda Jiraiya em algumas situações. Outra parceira de batalhas é Rei Yagyu (Tomoko Taya), que luta com um pequeno capacete durante a série.

8 – Jiraiya foi a jogada da gravadora carioca Top Tape para entrar no mercado de distribuição de vídeo. A empresa era conhecida, nos anos 1960 e 1970, por editar discos de sambas-enredo e de música black. Junto com Jiraiya também chegou “Lion Man”, um seriado de 1973 ambientado no Japão Feudal.

9 –  Por causa do conhecimento da Top Tape no mercado fonográfico que a empresa apostou em lançar um tema de abertura em português. A música, de acordo com o disco lançado, foi cantada por Renato Ladeira e Ronaldo Barcellos.

11 – A partir do episódio 37,  os Feiticeiros ganham o reforço de Aracnin Morgana. Ela é interpretada por Machiko Soga, que também foi a Rainha Pandora de “Spielvan” (1986) e a Bruxa Bandora de “Zyuranger” (1992). Este último papel serviu como base para a Rita Repulsa em “Mighy Morphin Power Rangers” (1993), onde toda a participação dela foi dublada em inglês para a adaptação norte-americana. Soga, falecida em 2006, acumulou vários papeis em seriados tokusatsu, principalmente interpretando vilãs. 

14  – Já Takumi Tsuitsui talvez seja o ator de tokusatsu que mais deu as caras no Brasil. Sua visita mais recente foi em 2019, durante o Anime Friends, em São Paulo. Em relação à carreira artística, ator ainda voltou a interpretar Touha Yamashi em 2015 durante a série “Ninninger”, outra produção de temática ninja e que serviu como base para “Power Rangers Ninja Steel” (2017).

15 – Mas o peronagem Jiraiya não deixou de aparecer outras vezes. No filme “Super Hero Taisen” (2013), em que há a presença de vários heróis do gênero, a armadura do ninja teve uma aparição bem rápida na trama. Em 2018, o filme “Kyuranger vs Space Squad” trouxe o 36º sucessor de Togakuri com a armadura de Jiraiya em uma outra participação. Todos esses filmes, infelizmente, não foram lançados no Brasil.

16 – “Space Squad” é a tentativa da Toei em fazer um universo cinematográfico próprio, reunindo os mais diversos personagens de seu catálogo. Algumas novas versões dos vilões de Jiraiya também apareceram em outros longas, como a Benikiba em “Gavan vs Dekaranger” (2017) e o Space Ninja Demost, que apareceu em um episódio de Jiraiya e ganhou uma versão repaginada em “Kyuranger vs. Space Squad”. 

17 – Como Jiraiya esteve em “Ninninger”, ele acabou ganhando uma adaptação em “Power Rangers Ninja Steel”, recebendo o nome de Skyfire. Na trama norte-americana, ele é um xerife espacial e só aparece a versão de armadura.

18 – A série clássica está disponível de maneira oficial nas plataformas de streaming, como na Prime Video, o serviço da Amazon. Os episódios de Jiraiya também podem ser encontrados no canal Tokusatsu TV, da Sato Company, atual distribuidora da série no Brasil.

Comentários

Você não precisa sofrer pra fazer dieta.

entre para o Desafio 19 dias