Categorias
Saúde

EMAGRECER: açúcar mascavo pode não ser uma boa opção!

O açúcar mascavo não tem aditivos químicos em sua composição, por isso a cor marrom e não branca. Em 100 gramas existem 85 miligramas de cálcio, 29 miligramas de magnésio, 22 miligramas de fósforo, 346 miligramas de potássio e um valor energético de 380 calorias.

Na mesma quantidade de açúcar refinado há no máximo 2 miligramas de cada um dos nutrientes citados e mais calorias, totalizando 389, um valor bem parecido, mesmo que o outro seja mais saudável. Quanto mais escuro for o açúcar, mais próximo do seu estado natural ele está. 

No quesito saúde, o mascavo pode ser uma boa opção. Entretanto, para quem está em fase de emagrecimento não é muito interessante: mesmo não sendo refinado, o total de calorias é muito alto para uma pequena porção do alimento.

De acordo com dados de uma pesquisa recente realizada pelo Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, mais de 70% dos brasileiros têm o hábito de consumir açúcar. Desse total, 85% optam pelo açúcar refinado, apenas 3% das pessoas utilizam o açúcar mascavo, 1% o demerara e 0,5% a versão light. Com o nome “Consumo equilibrado: uma nova percepção sobre o açúcar”, o estudo ouviu cerca de 1.200 pessoas entre 18 e 85 anos.

Os números são altos: 88% dos entrevistados utilizam o açúcar para adoçar chá ou café, 62% na preparação de sobremesase bolos e só 42% no leite. Na coleta de dados não foram acrescentados os outros tipos como o de coco, nem outros adoçantes, sejam eles naturais ou não.

Comentários