Você já subiu em uma balança pela manhã e se sentiu ótima, mas depois percebeu que ganhou quase 2 kg até a hora de dormir? Sabemos como você se sente!

Por mais que o número na balança possa ser altamente frustrante, você deve ter se perguntado por que era mais leve de manhã do que no resto do dia – e qual número é a medida mais precisa para dizer se você está perdendo peso ou não.

“As pessoas pesam menos quando acordam porque o corpo está ligeiramente desidratado”, explica Julie Upton, co-fundadora do site de nutrição Appetite for Health.

Essa leve desidratação pode resultar em uma queda notável no peso, avalia Sonya Angelone, porta-voz da Academy of Nutrition and Dietetics, “uma vez que duas xícaras de água pesam cerca de 450 g, mesmo a mais modesta desidratação ou retenção de água pode afetar o peso durante o dia”.

Beber água antes de dormir evita que você fique desidratada de manhã e resulta em um número maior na balança, diz Angelone, embora ela aponte que se você acordar durante a noite para fazer xixi, não reterá tanta água.

Também é possível que você pese menos porque queimou as calorias que consumiu na noite anterior para abastecer as funções básicas do organismo, como respirar e gerar calor corporal, segundo Angelone.

Finalmente, subir na balança após seu exercício matinal pode resultar em um peso menor também graças ao suor, conta Sonya. “Mas não é um reflexo verdadeiro de qualquer mudança na gordura corporal “, ressalta.

Angelone desencoraja pesar-se após o almoço, uma vez que usualmente é a maior refeição do dia. “Esse peso incluirá o peso da comida e da bebida que você acabou de consumir”, pontua.

Dito isso, não há uma hora perfeita do dia para se pesar, de acordo com Upton, mas se você se pesar geralmente na mesma hora do dia, você terá uma comparação precisa.

Independentemente da hora que você fizer isso, não se assuste se notar que seu peso aumentou 1 ou 2  kg em um dia e diminuiu em outro. Seu peso é bastante variável, diz Upton. Mas se ele subir e permanecer alto, ou descer e permanecer baixo, as coisas estão mudando. “O número na balança deveria ser encarado como relativo, não absoluto”, completa.

Com o passar dos anos, o relacionamento pode cair na rotina e a temperatura entre quatro paredes dar uma esfriada – e fazer com que o sexo fique menos frequente. Para se ter uma ideia, uma pesquisa realizada pelo Instituto do Casal, em 2016, indica que 55,9% dos casais consideram a vida sexual ruim.

De acordo com Marina Simas, psicóloga e sócia-diretora da empresa, falar sobre sexo é um dos assuntos mais frequentes nas terapias de casal. “Todo mundo faz, só que algumas pessoas com menos e outras com mais frequência. É impressionante como ainda existe um tabu sobre um tema natural e o quanto a vida sexual influencia uma relação”, ressalta. Mas, afinal, como esquentar a relação e deixar o clima cada vez melhor? Confira cinco dicas que vão ajudar!

Muitas pessoas ainda não sabem, mas não é só a área genital que garante prazer durante o sexo. Para aproveitar bem o momento, é preciso conhecer o corpo e as áreas que possam proporcionar prazer e, assim, garantir uma fuga da rotina para o casal. Para isso, o par também deve conhecer o outro e estimular áreas que possam ser diferentes. 

“Tem muitas mulheres e homens que não sabem onde fica o clitóris e o ponto G e não conhecem o próprio corpo ou o corpo do parceiro. Se são assim com a área genital que é básica, imagina com as outras partes do corpo se forem consentidas por ambos”, expõe Denise Figueiredo, psicóloga e sócia-diretora do Instituto do Casal. 

De acordo com Denise, o que vale nesses casos é apostar em brincadeiras com outras partes do corpo e sempre inovar para que o sexo não pareça igual e, assim, esquentar a relação. “O céu é o limite e, para estimular o prazer, vale todo tipo de investida”, explica. Já pensou em utilizar brinquedos eróticos ? Converse com o par e permita que a relação fiquei mais apimentada. 

No início, pode até parecer estranho, mas você já imaginou em ter um dia e horário para colocar o sexo em ação no relacionamento? De acordo com as profissionais, essa é uma forma de conseguir espaço e momentos juntos para viverem a intimidade.  

“Muitas pessoas acham que o sexo tem que ser de forma natural, mas é extremamente interessante também poder agendar o momento. Até por que quando você tem um encontro e espera pelo sábado a noite pra isso, você também acaba se programando para o momento. Isso também é válido no relacionamento”, ressalta Marina. 

Para variar o sexo, vale sair do quarto e ir para os outros cômodos, como sala, cozinha e até dentro do chuveiro no banheiro. Mas, além disso, por que não tentar também fora de casa? E nem precisa ser em um local distante. “Se não tem tempo de viajar, já pensou em passar um final de semana em um hotel na própria cidade? O casal pode explorar um ambiente diferente e sair da rotina”, aponta Denise.

No ano passado, outra pesquisa do Instituto do Casal aponta que 47% dos casais brigam com o par por conta do uso excessivo do celular. Atualmente, é difícil se manter desconectado, mas a tecnologia pode atrapalhar o relacionamento. “É muito comum o casal deixar de fazer sexo por causa do uso do celular. O mundo está tão conectado que nem o momento a dois é preservado como deveria”, destaca Marina.

Terapia de casal é uma prática que pode ajudar a estimular o diálogo e dar alternativas para uma vida sexual que o casal acha que está fadada a monotonia. A ajuda profissional pode contribuir nos desenvolvimentos comportamentais e emocionais do casal e fortalecer o relacionamento.

“O que percebemos é que muitos casais só procuram terapia quando a relação já está para terminar e isso pode ser ruim. É muito importante já ter o hábito de buscar uma ajuda desde o início”, finaliza Denise.

Ao seguir essas dicas, você conseguirá esquentar a relação e ter ainda mais prazer durante o sexo.

Ser madrinha de um casamento requer aceitar algumas exigências dos noivos que nem sempre são agradáveis, como uma mulher que pediu para a amiga perder alguns quilinhos para o dia do evento . Porém, a situação também pode ser inversa, como a irmã de uma noiva que quis seguir seus próprios gostos e provocou uma confusão a poucos dias da cerimônia ao querer usar um vestido ousado.

Por meio do Facebook, a noiva desabafou sobre a atitude de sua irmã, que também seria sua madrinha de casamento. Na publicação, ela explica que pediu para as damas de honra usarem um vestido azul com flores, e elas deveriam ter procurado opções em janeiro de 2019.

Sua “irmãzinha”, entretanto, não ouviu os conselhos dela e quis inovar completamente na escolha do look. A noiva compartilhou uma foto da roupa que a madrinha gostaria de usar no casamento, e chamou a atenção a ousadia da mulher.

“Meu casamento é daqui a oito dias e eu disse para minha irmãzinha comprar em janeiro um vestido azul-marinho com flores”, inicia ela. “Ela me disse hoje que ainda não pediu um vestido, mas gostou desse. Eu disse que não é apropriado para o meu casamento, especialmente como uma dama de honra”, complementa a noiva na legenda.

Indignada, a pretendida esclarece à irmã que, se ela não quer ser uma das testemunhas da união, basta dizer. A menina, então, abandonou o posto, mas ainda quer ter todas as regalias. “Ela deixou de ser minha dama de honra e eu acho que ela ainda pensa que pode ter toda a diversão de madrinha comigo, como a de despedida de solteira… Desculpe, não!”, diz a mulher.

Os internautas entenderam e apoiaram a noiva nessa história, fazendo críticas ao modo de agir da irmã e ao vestido ousado que ela gostaria de usar na cerimônia. “Isso deve ser usado em um quarto”, dispara um.

“Lingerie deslumbrante. Não é apropriado para nada ao ar livre, exceto uma festa na piscina”, opina outro. Um dos usuários do Facebook afirmou que esse tipo de roupa que a madrinha desejou colocar é adequado para outros eventos. “É um casamento, não o Coachella”, comenta ele.

O Ministério Público Estadual (MPE), ofereceu denúncia por ato de improbidade administrativa contra o ex-governador de Mato Grosso, Silval Barbosa…

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG), deflagrou na manhã desta quarta-feira…

Assessoria | PJC-MT Vários objetos produto de roubos/furtos foram recuperados pela Polícia Civil, na segunda-feira (24.06), nas dependências de um…

A partir desta quarta-feira (26.06) os contribuintes mato-grossenses contam com mais simplificação e agilidade para abrir uma empresa no Estado….

Economia, celeridade e maior eficácia investigativa são desafios que devem ser superados pela Polícia Civil com a modernização de seu…

Reprodução/Twitter/juventusfc Juventus pensa em contratações para todos os setores A Juventus de Turim tem apenas um objetivo para a temporada…