O Tarde Nacional – Amazônia desta sexta-feira (04) falou sobre os efeitos da música no cérebro e no corpo humano, com destaque para a influência exercida no desenvolvimento dos bebês. Quem falou sobre o assunto foi o neuropediatra e coordenador do Núcleo de Atendimento Neuropsicológico Interdisciplinar (NANI) do Departamento de Psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) Mauro Muszkat.

Durante a conversa, Muskat explicou que o contato regular com a música ativa diferentes áreas do cérebro e resulta em um melhor desenvolvimento das habilidades cerebrais e da comunicação interna do nosso corpo. Para ele, tais benefícios se intensificam quando os estimulos musicais começam desde a infância, principalmente quando há uma relação afetiva com a música, passada de mãe para filho ainda na barriga.

Mauro destacou ainda a importância de se deixar o preconceito de lado e tentar ampliar o repertório musical apresentado à criança, no intuito de facilitar o enriquecimento cultural da mesma.

Você será direcionado para o “Fale com a Ouvidoria” da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.