O espetáculo cênico-musical “Quem Tem Medo de Travesti” encerra nesta terça-feira (21) a temporada em Belém. A apresentação do Coletivo Artístico As Travestidas, de Fortaleza (CE), será às 20h, no Teatro Estação Gasômetro. A entrada é franca.

Travestis Itinerantes chega a essas localidades, escolhidas por terem alto índice de violência especialmente contra a comunidade LGBTTI, para desconstruir preconceitos. “Quem Tem Medo de Travesti” é composto por atores, cantores e bailarinos. O espetáculo se constrói a partir de relatos pessoais e da pesquisa acerca da travestilidade no teatro e na sociedade, passando pelo glamour do teatro de revista e chegando à decadência e marginalização da figura trans na sociedade atual.

A peça, premiada pelo Rumos Itaú, expõe histórias sobre arte, exclusão, decadência e violência, presentes no cotidiano desta população e, ao mesmo tempo, subverte essas histórias tristes. Vai além ao abordar narrativas de superação e transformação, com o interesse em fortalecer e ampliar essa investigação, promovendo um estudo acerca da “artesania” e “travestilidade” enquanto metodologia em artes cênicas. Trata-se de um espetáculo de pesquisa social, antropológica e artística escrito e dirigido por Silvero Pereira, ator e pesquisador cearense, e Jezebel De Carli, professora e diretora gaúcha.

Espetáculo: Quem Tem Medo de Travesti, nesta terça-feira, 21, às 20h, no Teatro Estação Gasômetro, na Av. Gov Magalhães Barata, 830 – São Brás. Ingresso: gratuito.