Nos últimos tempos, várias famosas se pronunciaram nas redes sociais contra críticas que receberam a seus shapes. Nesta quarta-feira (11), foi a vez da modelo sul-africana Candice Swanepoel, que deu à luz seu segundo filho há menos de 15 dias. No Instagram, a angel da marca americana Victoria’s Secret mandou um recado aos fotógrafos que registraram o momento em que ela estava saindo do mar, numa praia de Vitória, no Espírito Santo, onde passa férias.

“Se você tem algo ruim a dizer, olhe para si. As pessoas podem ser muito cruéis umas com as outras. Padrões de beleza são, algumas vezes, impossíveis para as mulheres, não tenho vergonha de mostrar minha barriga pós-parto, tenho orgulho, na verdade… Carreguei meu filho por nove meses nela, acho que ganhei o direito de ter uma barriguinha. É porque sou modelo? Bom, somos pessoas normais também, então me deixe curtir a praia em paz, por favor”, escreveu Candice.

A cantora Solange Almeida também rebateu comentários maldosos nesta semana. Em uma foto de um show publicada na segunda-feira (9) em seu Instagram, uma fã perguntou o que a artista faz para ter pernas bonitas. Solange respondeu “Eu apenas uso 2 ou 3 meias! Porque quando tira, meu amor, é celulite demais e flacidez que nem presta! Coisa normal, né? Pelo menos pra mim, é”.

De ontem, em Cabo de Santo Agostinho- PE. Parabéns pelos 141 anos, e o presente quem ganhou fui eu!!! Que lindeza, quanto amor, tanta felicidade.. amei nosso reencontro! Obg Lula Cabral, meu prefeito querido, até breve! PH @leomelomidias . Eu por @mozart_cristian . Mais detalhes em @solangealmeida @bigbandsa @solangealmeidacloset . Hoje é dia de Glória do Goitá- PE. #meunomeépronta #abencoadademaisprareclamar #donadaporratoda #cozidodapatroa #entrenósminhahistoria #solangealmeida #sol #solalmeida #sun #singer #forró

A resposta rendeu discussão e, no dia seguinte, a cantora fez um post com uma foto de biquíni e desabafou. “Se eu não usasse meias nos shows, logo apareceriam as juízas de plantão especialistas em redes sociais com adjetivos pejorativos, como ‘sem NOÇÃO’, ‘flácida’ ou ‘ela está passando vergonha no crédito em 10x…’ Uso meias no palco da mesma forma que você acha essencial sair para uma balada com cabelos escovados e maquiada. Faz parte da minha arte, do personagem do palco, totalmente o contrário do meu dia a dia, que me faz ser aquela mulher natural!!”, escreveu.

Ela também disse que não se preocupa com o que os outros dizem sobre seu corpo e que tem orgulho dele. “Eu me amo com minhas estrias, celulites e flacidez. E me sinto tão linda quanto a Sol do passado, que era obesa com 120 kg e três partos na conta (claro que dei uma recauchutada e nunca neguei!), mas depois de tanta coisa que a vida me ensinou, a mais importante foi a que um corpo lindo, uma pessoa perfeita, é aquele que tem uma mulher feliz dentro dele. E ESSA MULHER SOU EU!”, finalizou.

Em resposta a uma seguidora que me perguntou sobre as meias que eu estava usando, impressionante foi a repercussão que deu. Totalizou dezenas de posts e centenas de comentários positivos e negativos. Aonde eu quero chegar? – Que existe uma cobrança muito forte das pessoas. Se eu não usasse meias nos shows, logo apareceriam as juízas de plantão especialistas em redes sociais com adjetivos pejorativos, como ‘sem NOÇÃO’, ‘flácida’ ou “Ela está passando vergonha no crédito em 10x…” Uso meias no palco da mesma forma que vc acha essencial sair para uma balada com cabelos escovados e maquiada. Faz parte da minha arte, do personagem do palco, totalmente o contrário do meu dia-a-dia que me faz ser aquela mulher natural!! Ainda há gente que diz que as meias saíram de moda! Ah meu bem, tanta coisa que saiu de moda e muita gente ainda usa, inclusive essa ditadura da beleza. Eu já desencanei há um tempão sobre isso, VC NUNCA SERÁ PERFEITA pra ninguém. Meias apenas me dão sustentação e segurança. Pra finalizar, quero dizer que eu me amo com minhas estrias, celulites e flacidez. E me sinto tão linda quanto a Sol do passado, que era obesa com 120kg e três partos na conta (claro que dei uma recauchutada e nunca neguei!), mas depois de tanta coisa que a vida me ensinou, a mais importante foi a que um corpo lindo, uma pessoa perfeita, é aquele que tem uma mulher feliz dentro dele. E ESSA MULHER SOU EU! #estrias #celulite #flacidez #exobesa #quase44 #mulher #solangealmeida #solalmeida #sol #sun #singer #abencoadademaisprareclamar #donadaporratoda #segundosol #cozidodapatroa #forró #euusomeias

A atriz e diretora americana Lena Dunham também foi a público nas redes sociais para mostrar que não se pode julgar a autoestima e a saúde de uma mulher baseando-se apenas no corpo dela. Em uma foto de antes e depois, ela explica: “À esquerda: 138 pounds [62,5 kg] elogiados todos os dias por homens e nas capas de tabloides sobre dietas que funcionam. Além disso, doente nos tecidos e na mente, vivendo à base de poucas doses de açúcar, muita cafeína e um nécessaire cheio de medicamentos. À direita: 162 pounds [73,5 kg], feliz e livre, elogiada apenas por pessoas que importam por motivos que importam (…)”.

On the left: 138 pounds, complimented all day and propositioned by men and on the cover of a tabloid about diets that work. Also, sick in the tissue and in the head and subsisting only on small amounts of sugar, tons of caffeine and a purse pharmacy. On the right: 162 pounds, happy joyous & free, complimented only by people that matter for reasons that matter, subsisting on a steady flow of fun/healthy snacks and apps and entrees, strong from lifting dogs and spirits. Even this OG body positivity warrior sometimes looks at the left picture longingly, until I remember the impossible pain that brought me there and onto my proverbial knees. As I type I can feel my back fat rolling up under my shoulder blades. I lean in.

Segundo Lena, ela mesma às vezes olha para a foto da esquerda com saudosismo, mas logo se lembra de toda a dor sentiu para chegar àquele corpo. “Enquanto digito, sinto a gordura nas minhas costas enrolando embaixo das minhas escápulas. E me inclino”, finalizou, mostrando que isso não é um problema para ela. Arrasou!

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.