O mercado de gestão de carreiras no mundo do entretenimento brasileiro é competitivo, requer investimentos e muito planejamento como em qualquer empresa. Porém é um mercado pouco conhecido, muito rentável e onde poucos chegam ao sucesso. Mas a pergunta é: como essas empresas operam?

Veja também:

Geralmente esses escritórios estabelecem contratos que podem variar de 3 à 8 anos. Multas altíssimas são necessárias já que é muito comum um artista optar pela administração da própria carreira depois que começa a ganhar dinheiro, tendo experiência ou não, sem ressarcir o investimento que foi feito em sua carreira. Muitos acham altas a porcentagem cobrada pelas empresas, mas o fato é que quando passam a ganhar até 50% do faturamento de um artista por exemplo, ele já investiu três vezes o valor do faturamento na sua aposta artística e isso pode incluir aulas de canto, cirurgias plásticas, um novo closet grifado, viagens e tudo que pode acrescentar a boa imagem do candidato ao estrelato. 

Continua depois da publicidade

Não foi possível carregar anúncio

Existe também escritórios que trabalham com uma especialidade muito necessária em tempos de cancelamento nas redes sociais: a gestão de crise de imagem. O processo? Nada simples. Nada comparada a divulgação de uma nota de uma assessoria de imprensa que nem sempre é eficaz. Reuniões que podem durar horas, madrugadas e dias inteiros não é incomum. Exemplo mais notório foi gestão da crise de imagem de Neymar durante a investigação do caso do suposto estupro em Paris que nunca foi comprovado. A exposição pública e ilegal de um vídeo do atleta sendo agredido pela acusadora foi um risco calculado e que colaborou para reverter a crise de imagem do atleta. Os custos desse tipo de intervenção é elevadíssimo uma vez que no Brasil poucas empresas fazem com a seriedade e o sigilo necessário. Advogados estrelados, assessores e analistas de danos nas redes sociais pode fazer o valor chegar aos 100 mil reais.

Leia também  Conheça a nova namorada de Henry Cavill, o intérprete do Super-Homem - 11/04/2021 - Celebridades

Quem é quem nesse seleto mercado?

Márcia Marbá

Embora seja conhecida como a irmã da apresentadora Angélica, Márcia não só cuida e muito bem da carreira da irmã há décadas, como também de uma lista estrelada de artistas e apresentadores do grupo Globo.

É sua a estratégia de direcionamento, aconselhamento e administração da  carreira que levou a talentosa Grazi Massafera a estrela de primeira grandeza da Globo fazendo da atriz uma das mais bem-sucedidas ex-participantes de Realities da TV.

Kamila Fialho

Kamila Fialho, dona da K2L é a responsável por lançamentos de fenômenos Anitta e Lexa.

Um de seus méritos é ter dado ao Funk carioca cara e estrutura de que antes só se encontrava na música pop. Pinçar boas promessas, investir e lançar no no mercado requer muita organização e Kamila não só domina, como ensina em cursos administrado por sua equipe o B a Bá da profissão. 

Mas o caminho da empresária não foi só de glórias: ela viu artistas romperem contratos no auge sem pagar as devidas multas contratuais, colocando sua imagem e capacidade profissional em cheque. Documentada por sua boa gestão, saiu vitoriosa de uma disputa judicial longa e penosas: a disputa judicial com Anitta terminou com um acordo milionário cujo o valor o mercado especula que custou a poderosa algo entre 6 e 9 milhões de reais. 

Sorocaba 

Pode parecer surpreendente pra maioria dos fãs, mas o cantor Sorocaba da dupla sertaneja Fernando & Sorocaba é um empreendedor e dos bons: São de sua agêcia ou já passaram por ela nomes como Lucas Lucco, Marcos & Belutti

Natural de Londrina e agrônomo por formação, Sorocoba adotou a carreira musical logo depois da formatura, realizando um sonho de infância. Com tino comercial apurado, no início da carreira Sorocaba optou por ser sócio de seu empresário Paulo Pissoloto na gestão da própria carreira e assim, descobrindo e investindo em novos talentos. Foi a empresa de Sorocaba que lançou ninguém menos que Luan Santana. 

Leia também  laces fazem a cabeça de celebridades

Victor Veronez

Londrina parece ser um celeiro de bons empreendedores de entretenimento. Além de Sorocaba, Victor Veronez também é um empreendedor que caminha e com sucesso na gestão de carreiras de pessoas públicas. 

Profissional de TI com passagem bem-sucedida pelo mundo corporativo, Victor criou a bem-sucedida VLW. A Network especializada em administração de carreira e imagem pública de artistas, criadores de conteúdo, esportistas e políticos tem como diferencial a seletividade: como trabalha também com gestão de crises e atende nomes poderosos da política e do entretenimento nacional, ele seleciona e muito sua carteira de clientes. A discrição com relação a nomes da sua lista poderosa de clientes é o cartão de visitas da VLW.

CONTEÚDO PRODUZIDO E ENVIADO POR: Camila Marchini

Comentários