O Flamengo não conseguiu a liberação da Fiorentina para ter o atacante Pedro em 2020, de graça. O clube acertou o pagamento de cerca 1 milhão de euros pelo empréstimo, R$ 4,6 milhões, para ter o centroavante de 22 anos.

O combinado é o valor ser abatido ao fim do contrato, caso o rubro-negro exerça a compra. A quantia é pré-fixada no atual vínculo, e está estimada em mais de 10 milhões de euros, valor pago pela Fiorentina ao Fluminense.

O salário de Pedro no Flamengo ficará na faixa dos R$ 500 mil.  Com a oferta mais atrativa para o jogador e o clube italiano, os cariocas saíram em vantagem na concorrência com Grêmio e Porto.

Nos casos de Pedro Rocha e Thiago Maia, o modelo de negócio por empréstimo também teve valor de passe fixado para compra, mas a negociação não teve custo imediato. Nas três situações, as compras, se exercidas, serão parceladas por dois a três anos.

Pedro chega ao Rio na sexta-feira para fazer um detalhado exame médico e assinar contrato com o Flamengo. Na Itália, Pedro participou de quatro jogos nos profissionais da Fiorentina, totalizando 59 minutos em campo. Sempre entrando no decorrer das partidas.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal

Facebook Comments