A secretária de Agricultura, Cultura e Turismo, Valdirene Pavan, ao lado do representante do bairro da Mina, João Bosco, esteve na manhã desta segunda-feira (11/01), vistoriando o espaço da antiga mina de tungstênio para dar continuidade nos estudos para o Projeto do Parque da Mina.

“As ruínas da mina de tungstênio existem em Itupeva há quase 50 anos, porém, o local nunca foi explorado. Desde 2017, a Prefeitura de Itupeva vem trabalhando para fomentar o turismo no município e preservar a história da cidade”, comentou Valdirene Pavan.

Antigo morador do bairro e vizinho da área onde será implantado o Parque, João Bosco, destacou a importância da revitalização do local. “A revitalização do Parque da Mina dará a oportunidade de revivermos a história deste local, consequentemente, história que faz parte da cidade de Itupeva. Por isso, a importância de não deixarmos esse espaço perdido no tempo”, falou.

O parque terá uma área superior a 37 mil metros quadrados e, a primeira etapa do projeto que contará com um convênio junto ao governo do estado, será a construção do ‘Centro de Memória do Parque da Mina’.

Comentários