Médico de Jundiaí, José Nelson, morre de Covid-19

Morreu neste sábado (12), de Covid-19, em Jundiaí, o médico José Nelson Campos, de 71 anos. Ele estava internado no Hospital Pitangueiras da Sobam/Amil.

Por muitos anos José Nelson trabalhou como clínico geral do Grupo Intermédica no Hospital Paulo Sacramento. Ele também trabalhou na cidade de Cajamar.

O médico cardiologista Wagner Ligabó, disse que perdeu um grande amigo.

“Infelizmente, mais uma vítima do implacável Covid. Levou meu amigo de longa data, gentil e competente médico, extremamente culto e que conhecia o mundo na palma da mão, o querido Dr José Nelson!”, disse Ligabó.

José Nelson era o verdadeiro médico de família. Ajudou a curar pais e filhos. Sua capacidade de identificar a origem dos problemas de saúde dos pacientes era única e todos o indicavam como um bom profissional.

O médico tinha também o dom de se transformar em amigo dos pacientes.

Segundo uma amiga, doutor José Nelson ficou na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Sobam por 12 dias em tratamento. Outros médicos também estão em tratamento em casa.

Uma enfermeira comentou: “Trabalhei com ele no Paulo Sacramento, ele era um amor, muita doçura e Educação, que pena.”

Aumento de casos

Nesta semana um paciente da Sobam publicou nos comentários do “Jornal da Região” que o Hospital Pitangueiras estava ampliando a ala de Covid, sendo que um andar inteiro havia sido reservado para os doentes.

O grupo Sobam/ Amil respondeu: “O Hospital Pitangueiras informa que está atento à evolução de casos de COVID-19 e se mantém integralmente mobilizado para fazer frente à pandemia. Como resposta ao cenário atual, a unidade opera dentro de sua capacidade de atendimento e está monitorando o aumento de casos diariamente para adoção de novas medidas, que visam ajustar a operação dentro das melhores práticas, o que contempla fluxos exclusivos, aumento do número de leitos e ampliação da equipe assistencial.”

Leia também  Rede Jundiaí de Cooperação completa 3 anos com parcerias de grande impacto social