A campanha contra o candidato à Presidência do Brasil Jair Bolsonaro está atingindo patamares inesperados. Até mesmo as cantoras norte-americanas Madonna e Cher se posicionaram em suas redes sociais. Elas fizeram publicações com a hashtag símbolo do movimento, #EleNão.

Madonna utilizou a função Stories de sua conta no Instagram para compartilhar uma foto onde surge com a boca vendada. Na fita, está escrita a palavra “freedom” (que significa “liberdade”, em português). Além da hashtag #EleNão, ela escreveu #EndFacism (“fim do fascismo”, em tradução nossa).

Já a cantora Cher respondeu ao seu fã clube brasileiro no Twitter. Ela retuitou uma mensagem que pedia seu apoio contra o candidato. “Triste que o Brasil está enfrentando o seu próprio Trump. Um candidato homofóbico e racista está liderando as campanhas. Significaria muito se todos nós pudéssemos compartilhar esse #EleNão para apoiar isso”.