Em apresentação no Brasil, Video Game Orchestra mostra poder da música nos games

A música, por si só, pode nos transportar para mundos mágicos. Como no cinema, as trilhas sonoras nos jogos eletrônicos são de extrema importância, nos transportando para outros mundos.

Pode parecer exageiro, mas quando as trilhas sonoras de jogos são até mesmo mais marcantes quando estão em músicas. Afinal, jogar games é uma experiência imersiva, em que um jogador pode ficar horas ouvindo a mesma trilha incansavelmente enquanto tenta passar de uma fase.

“Como seria, por exemplo, jogar ‘Super Mario Bros.’ sem escutar sua trilha icônica?”, indaga o produtor musical de games, Shota Nakama, durante sua participação na BGS 2019 (Brasil Game Show), que aconteceu no último final de semana em São Paulo.

Responsável por trilhas sonoras de diversos jogos, incluindo sucessos como Kingdom Hearts e Final Fantasy, Nakama sempre foi fã de games e de música. Mesclar as duas paixões foi natural e resultou em trilhas marcantes, lembradas por fãs.

Nakama é criador da Video Game Orchestra, uma orquestra especializada em tocar trilhas de jogos famosos, não somente as criadas por ele. O produtor se apresentou ao lado dela em um show também na BGS, pela primeira vez no Brasil.

“Eu sempre quis fazer um show no Brasil. Cresci vendo o Iron Maiden se apresentando no Rock In Rio, sabia que os brasileiros são maravilhosos e cheios de energia”, afirma o músico, que não estava errado: teve até pedido de casamento durante o show.

As trilhas de Nakama podem evocar sentimentos de ansiedade, felicidade, agitação e muitas outras, coisas que são essenciais na atmosfera de um jogo, seja ele de ação, terror ou drama.

Leia também  Projeto Música nas Escolas completa 15 anos e solidifica nome no cenário musical

Para sua criação, Nakama recebe as histórias, desenhos e todo tipo de material que sobre um jogo para criar suas músicas. Para ele, a trilha de um dos jogos da franquia Final Fantasy, de foi a mais difícil de ser composta.

OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais,
além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o
DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente,
crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de
uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche
de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar
ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.