♪ Enquanto se prepara para lançar o primeiro EP, Solta, previsto para este primeiro semestre de 2020, Giulia Be apresenta uma das músicas do disco. (Não) era amor está sendo editada em single disponível desde sexta-feira, 13 de março de 2020.

Trata-se do quarto single da carreira ascendente dessa cantora e compositora carioca que está em cena desde 2017, tendo ganhado projeção a partir de fevereiro do ano passado com a edição do primeiro single, Too bad (Giulia Be, Gino Martini Neto, Andre Dazzo e Mayra Arduini, 2019).

Outros dois singles, Chega (Giulia Be, Gino Martini Neto e Andre Dazzo, 2019) e Menina solta (Giulia Be, 2019), vieram na sequência e prepararam o terreno para (Não) era amor, música cujo clipe – filmado sob direção de Pedro Tófani e Fernando Hideki – mostra Giulia Be lutando boxe com ela mesma e tocando instrumentos em banda na qual a artista encarna todos os integrantes.

Composição de Giulia em parceria com Victor Wao, coprodutor do single em função dividida com Paul Ralphes, (Não) era amor versa sobre relacionamento abusivo.

“Essa música foi escrita depois de uma conversa com minha melhor amiga, que me pediu conselhos de como lidar com o ex dela. A letra é uma carta aberta ao menino, para ele pensar duas vezes antes de quebrar um coração, pois tudo que vai, volta. Passo uma mensagem de amor próprio. Um grito interno para relacionamentos emocionalmente manipuladores, que só percebemos quando saímos deles. É uma afirmação de que o amor é para ser leve. E, se tá doendo, sinto lhe dizer: não é amor”, pondera Giulia Be em nota oficial sobre o single (Não) era amor.

Comentários