Após o som de uma música do Partido dos Trabalhadores (PT) “invadir” um link ao vivo, durante o Jornal Nacional, na noite de quarta-feira (18), o apresentador William Bonner pediu desculpas aos telespectadores.

A música tradicionalmente tocada em comícios do PT foi captada pelo microfone da repórter Giovanna Telles, em Brasília, enquanto ela falava sobre a reunião entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli e outras autoridades.

Bonner pediu desculpas minutos depois. “Agora há pouco, durante a entrada ao vivo da repórter Giovanna Teles, de Brasília, um manifestante tocou uma música que geralmente é tocada em comícios do PT. O som foi captado involuntariamente pelo microfone da repórter enquanto ela relatava a reunião de Bolsonaro com Toffoli. Pedimos desculpas aos telespectadores”, disse ele.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.

Comentários