“A música é um instrumento revolucionário. Sou uma mulher preta que canta o que quer. Meu corpo negro, nordestino, periférico é político. Sinto que …