Morto há oito anos, aos 80, Chico Anysio deixou um patrimônio estimado em R$ 150 milhões para seus herdeiros (segundo o colunista Léo Dias) e, esta semana, teve seu testamento anulado pela Justiça. A anulação aconteceu já que, segundo a sentença proferida pelo Juiz da 2ª Vara da Família da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, Chico contemplou a totalidade de seus bens, quando deveria ter contemplado apenas a metade deles, segundo a disposição do Código Civil. Além disso, ele não contemplou um de seus filhos, o humorista Lug de Paula, de 63, na herança. Por conta dessas falhas na elaboração do testamento, os herdeiros se uniram e entraram com um pedido de anulação do mesmo, que foi concedido pela Justiça. Pela lei brasileira, os filhos e a esposa/marido não podem ter os nomes retirados da divisão de bens.

Em conversa com Quem na tarde desta terça-feira (10), Martha Christina Mariotti Claro, advogada de Lug de Paula, falou sobre as falhas do documento. “O testamento tinha erros técnicos jurídicos que levaram à anulação. Não fora só a questão do Lug [de Paula] não ter sido contemplado no testamento do Chico. Acontece que o documento cedia a integralidade dos bens, sem respeitar a legítima. Fora isso, o testamento mais parecia outro programa humorístico do saudoso Chico, determinando divisão de bens de forma incoerente. Como, por exemplo, dispondo sobre conteúdo dentro de lados de armários”, explicou a profissional.

Lug ficou conhecido por viver o personagem Seu Boneco na Escolinha do Professor Raimundo, humorístico protagonizado por Chico Anysio. Ele já foi casado com a a atriz Heloísa Périssé, de 53, com quem tem Luisa, de 21.

Além de Lug, o humorista também é pai de Nizo Neto (o Seu Ptolomeu, do mesmo programa, também dublador), Bruno Mazzeo (ator e roteirista), André Lucas (humorista), Rico Rondelli, Cícero Chaves, Vitória e Rodrigo. Chico também é tio do ator Marcos Palmeira, filho do cineasta Zelito Vianna, irmão do humorista; e da atriz Maria Maya, filha de Cininha de Paula, sobrinha do humorista.

Comentários