Os pagamentos divulgados contemplam os beneficiários que se inscreveram por meio de aplicativo e site e que fazem parte do Cadastro Único mas não recebem o Bolsa Família.

Os novos pagamentos contemplam os beneficiários que se inscreveram no programa por meio do site e do aplicativo, além daqueles que fazem parte do Cadastro Único, mas não recebem o Bolsa Família.

Já para os beneficiários que recebem o Bolsa Família, o calendário segue o mesmo, isto é, o calendário é pago nos últimos dez dias úteis do mês, de acordo com o dígito final do benefício. Sendo assim, será pago mais duas parcelas de R$ 600 seguindo o cronograma normal de pagamentos. Logo a quarta parcela será paga entre 20 e 31 de julho e a quinta parcela será paga entre 18 e 31 de agosto

O calendário divulgado nesta sexta-feira pelo Ministério da Cidadania, contempla os pagamentos até a quinta parcela para os brasileiros que se inscreveram no programa até o dia 2 de julho, que foi a data final para se inscrever.

O beneficiário poderá movimentar o dinheiro da poupança social digital apenas para o pagamento de contas, de boletos e para realização de compras por meio de cartão de débito virtual ou QR Code.

Comentários