Enquanto a Itália enfrenta uma das maiores tragédias da sua história recente, com mais de 2500 mortes registradas até o momento em decorrência do coronavírus, a ausência de moradores e turistas nas ruas e praças tem produzido imagens desoladoras e que beiram a distopia. Em contrapartida, fenômeno curioso que também vem ocorrendo nas últimas semanas é ver surgir vida nos canais de Veneza, que levam fama de poluídos e fedorentos. Moradores registraram nos últimos dias águas em tons de azul e repletas de peixinhos. As imagens são da página Venezia Pulita (Veneza Limpa), no Facebook. Veja:

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Comentários