‘Cobra Kai’: terceira temporada da série aposta em conflitos existenciais que vão além do dojô

Amadurecer sem deixar de lutar: esta frase com ares de aconselhamento professoral poderia tranquilamente soar como uma lição deixada por 2020. Mas, neste caso, trata-se de um breve resumo da terceira temporada de “Cobra Kai”, que chega hoje ao catálogo da Netflix.

Lançada em 2018 pelo YouTube Premium, a produção apostou na nostalgia para contar os desdobramentos do filme “Karatê Kid – A hora da verdade” (1984), que se encerra na histórica luta entre Daniel LaRusso (Ralph Macchio) e Johnny Lawrence (William Zabka). O trunfo principal da série, sem dúvida, foi contar com a presença dos astros do longa original, lançado há 34 anos.

Ralph Macchio em cena da terceira temporada de ‘Cobra Kai’, novamente interpretando Daniel LaRusso Foto: TINA ROWDEN/NETFLIX

As duas primeiras temporadas de “Cobra Kai”, capitaneadas pelo YouTube, chegaram à Netflix entre agosto e setembro. A partir dali, o sucesso do projeto alcançou outro patamar: o seriado foi o segundo mais buscado no Google em 2020, ficando atrás apenas de “The witcher” (Netflix), estrelado por Henry “Superman” Cavill.

‘Karatê Kid’: 15 curiosidades sobre o filme que inspirou a série ‘Cobra Kai’

Tamanha repercussão fez com que a Netflix, agora dona dos direitos de exibição e produção de “Cobra Kai”, antecipasse em uma semana a data de estreia da terceira temporada, antes programada para o dia 8. Tal notícia levou os fãs ao delírio, ainda mais com a confirmação de uma quarta safra de episódios à vista.

Foto Anterior Proxima Foto

Daniel LaRusso (Ralph Macchio) e Johnny Lawrence (William Zabka) em cena da terceira temporada de “Cobra Kai” Foto: CURTIS BONDS BAKER/NETFLIX / CURTIS BONDS BAKER/NETFLIX
A rivalidade entre Daniel e Johnny está acesa na terceira temporada de “Cobra Kai’ Foto: TINA ROWDEN/NETFLIX / TINA ROWDEN/NETFLIX
Outro antagonista do universo de Karatê Kid, John Kreese, interpretado por Martin Kove, também está presente na terceira temporada Foto: COURTESY OF NETFLIX / COURTESY OF NETFLIX
Daniel volta aos tatames na terceira temporada de “Cobra Kai” Foto: COURTESY OF NETFLIX / COURTESY OF NETFLIX
Daniel LaRusso (Ralph Macchio) e Johnny Lawrence (William Zabka) em cena de “Cobra Kai”. Série retrata a vida adulta dos personagens do clássico filme dos anos 1980 Foto:
Johnny, já na meia idade e com os problemas da vida adulta, decide reabrir o dojo Cobra Kai Foto:
Daniel San, de aluno a mestre. Entre seus discípulos está Robby, filho do rival Johnny Foto:
Cena de “Cobra Kai”. Série chega está disponível na Netflix com três temporadas Foto:
“Cobra Kai”. História retrata a vida adulta dos personagens do clássico filme dos anos 1980, Daniel LaRusso e Johnny Lawrence Foto: Bob Mahoney / Steve Dietl/YouTube Originals/Sony Pictures Television
Cena de “Cobra Kai” Foto:
Cena de “Cobra Kai” Foto:
Daniel San. Personagem, agora, é um empresário bem sucedido, que reabre o dojo do senhor Miyagi
Lawrence: de vilão no filme original a protagonista Foto:
Rivalidade continua na vida adulta dos personagens em “Cobra Kai” Foto:
Cena de “Cobra Kai” Foto:
Cena de “Cobra Kai” Foto:
Leia também  Análise: pobre, Vasco impacienta torcida contra o Resende; Guarín e Henrique são os alentos

Mas talvez seja necessário situar aqueles que foram golpeados de forma repentina por esse sucesso, fazendo-os entender que as fichas de “Cobra Kai” vão além do coração oitentista dos fãs saudosos da febre “Karatê Kid”. Há também originalidade narrativa e sangue novo na série.

Logo de cara, a trama joga seu olhar sobre Johnny Lawrence, hoje um fracassado que busca redenção ao reabrir sua academia de artes marciais Cobra Kai. Assim, ele reacende a sua rivalidade com o agora bem-sucedido Daniel LaRusso, que tem lutado para manter o equilíbrio na vida sem a orientação de seu mentor, Sr. Miyagi (Pat Morita, morto em 2005).

Martin Kove volta a viver John Kreese, o verdadeiro vilão da terceira temporada de ‘Cobra Kai’ Foto: COURTESY OF NETFLIX

Tanto nas duas temporadas já lançadas quanto na novata que estreia hoje, “Cobra Kai” brinca com a ideia de vilania e bom mocismo, contrapondo constantemente Johnny e Daniel. Em meio ao conflito herdado do filme, os dois personagens precisam lidar com a passagem do tempo enquanto gerenciam o ímpeto de seus aprendizes.

Aliás, é o grave acidente sofrido por um destes jovens no fim da segunda temporada que desperta o gatilho para o mote dos novos episódios, quando todos precisam arcar com as consequências de seus atos, inclusive Daniel LaRusso e Johnny Lawrence.

Luto: ator da franquia ‘Karatê Kid’ morre aos 59 anos

Outro ponto de destaque é o fortalecimento da figura de John Kreese como verdadeiro malfeitor de “Cobra Kai”. Interpretado por Martin Kove, o personagem, também oriundo do filme, foi inserido na segunda temporada e, agora se torna uma grande ameaça. Após cativar Lawrence e, posteriormente, tomar o Cobra Kai de seu antigo aluno, ele volta a flertar com o caráter problemático apresentado em “Karatê Kid”, adotando ensinamentos problemáticos, ameaçadores e violentos aos seus comandados.

Leia também  Witzel cogita interditar praias para evitar coronavírus
William Zubka na pele de Johnny Lawrence em ‘Cobra Kai’: nem tão vilão assim Foto: COURTESY OF NETFLIX

Mas quem acompanha o seriado, lá no fundo, se pergunta o que vinham fazendo da vida Ralph Macchio e William Zabka, tão marcados por seus personagens, antes da série. Rivais em cena, os dois estabeleceram uma sólida amizade com o passar dos anos, enquanto tocavam carreiras, digamos, discretas.

Hoje com 58 anos, Macchio pode não ter uma trajetória recente de mesma grandeza que aquela vivida nos anos 1980, quando voltou a interpretar LaRusso e se reuniu novamente com Pat Morita para a segunda e terceira partes da saga “Karatê Kid”, em 1986 e 1989. Em 1992, participou de seu último grande projeto em Hollywood, com o filme “Meu primo Vinny”. Na última década, fez participações em séries como “Robot chicken”, ”Psych”, “Kevin pode esperar” e “The deuce”, quando deu vida a um policial corrupto.

Miguel, interpretado por Xolo Maridueña: aprendiz de Johnny Lawrence se mete em grande enrascada na segunda temporada Foto: TINA ROWDEN/NETFLIX

Zabka, que tem 54 anos, trilhou uma carreira mais discreta ainda diante das telas. Em compensação, por trás das câmeras ostenta uma conquista e tanto: foi indicado ao Oscar na categoria de melhor curta-metragem de ficção, em 2004, quando produziu e corroteirizou uma produção chamada “Most”.

A última vez em que o intérprete de Johnny Lawrence surgiu na tela foi em 2013, na série “How I met your mother”, interpretando a si mesmo. E contracenando com… Ralph Macchio.