Cyber Monday 2020: dez dicas para aproveitar promoções e descontos | Black Friday

A Cyber Monday é um evento comercial em que lojas online oferecem descontos em seus produtos. A data pode ser traduzida literalmente para “Segunda-feira Cibernética” e ocorre sempre na última segunda-feira do mês de novembro, depois do feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos. O fenômeno passou a ser entendido como uma “extensão” da Black Friday, que acontece três dias antes e é o evento mais conhecido no mundo das compras. LEIA: Nove dicas para comprar em lojas online em 2020 O “parentesco” com as promoções de sexta-feira, por outro lado, tem ligação com a criação desse novo evento. A Cyber Monday foi oficialmente inaugurada em 2005, por um marqueteiro americano. O nome alude à situação de voltar ao trabalho, na segunda-feira pós-feriado, e comprar pelo computador, geralmente da empresa. Deixando de ser um “braço” da Black Friday, a Cyber Monday passou a ter cada vez mais alcance, inclusive no Brasil. A seguir, confira dez dicas para aproveitas os descontos do dia de compras. 1 de 5Veja como aproveitar descontos da Cyber Monday — Foto: Reprodução/Busca Descontos Veja como aproveitar descontos da Cyber Monday — Foto: Reprodução/Busca Descontos Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo 1. Compare preços em várias lojas Uma dica que sempre vale quando o assunto é compra: diversidade. Para quem busca maiores descontos, comparar os preços do produto desejado em diferentes lojas é essencial. É possível que uma empresa aumente o preço do produto logo após a Black Friday, enquanto outras mantêm ou até reduzem o valor para a Cyber Monday. Você pode aproveitar diversas ferramentas online, como o Compare TechTudo, que mostra os preços e histórico dos valores em diferentes lojas. 2 de 5Acesse comparadores de preço para visualizar os diferentes valores de um produto — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Acesse comparadores de preço para visualizar os diferentes valores de um produto — Foto: Reprodução/Felipe Vinha 2. Pesquise ofertas do ano anterior Rever os preços e as ofertas dos anos anteriores pode servir de guia para que o comprador consiga identificar o que está com bom desconto. Alguns produtos podem ter “ciclos de vida” menores por conta de lançamentos e novas versões, como celulares, mas eletrônicos de modo geral e outros itens menos tech podem estar mais baratos que o usual. Para conferir as ofertas de anos passados, buscas como “Cyber Monday 2019 descontos” ou parecidas podem ser úteis. Imagens de flyers com os descontos anteriores podem ajudar na comparação das liquidações do evento em 2020. Saiba mais sobre compras online 3. Use cupons de desconto Algumas lojas podem oferecer cupons de desconto em datas especiais como a Cyber Monday. Os cupons tendem a variar em porcentagem de desconto, ou até mesmo abater o valor do frete. Em outros casos, o usuário também pode usar um cupom que já tenha obtido de outra maneira para reduzir o valor do produto. Sites como o Cupons TechTudo, o Cuponomia e o Pelando são exemplos de serviços que reúnem cupons e ofertas de variadas lojas online. 3 de 5Serviços online reúnem cupons que reduzem o preço final de uma compra — Foto: Helito Beggiora/TechTudo Serviços online reúnem cupons que reduzem o preço final de uma compra — Foto: Helito Beggiora/TechTudo 4. Verifique as condições de troca Uma dica importante, especialmente nos casos de compra online, é verificar os critérios que validam a troca de um produto. O comprador pode verificar as condições da loja nos termos que o site apresenta. Detalhes como datas e procedimentos para trocas são pontos que precisam ser analisados anteriormente à compra, caso aconteça um imprevisto com a entrega ou você não esteja de acordo com a cláusula proposta. Além disso, vale verificar as condições de estorno do site escolhido. 5. Verifique se a loja é confiável A procedência da loja onde o comprador busca seu produto é um fator que deve ser checado. Às vezes, usuários são atraídos por preços muito abaixo do normal de lojas pouco conhecidas, e podem acabar caindo em golpes por entenderem que se trata de um desconto especial por conta da data. Caso esteja interessado em algo específico de uma loja, você pode pesquisar sobre o site ou a empresa para descobrir seu nível de confiança. O Reclame Aqui pode ajudar a desvendar se, por exemplo, o e-commerce de fato entrega o produto, se ele é de qualidade ou se, em caso de erro, há a opção de trocas ou estorno. 4 de 5Utilize sites para conferir a credibilidade da loja antes de comprar — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Utilize sites para conferir a credibilidade da loja antes de comprar — Foto: Reprodução/Filipe Garrett 6. Atente-se aos horários das compras Os casos são distintos em relação à duração da Cyber Monday. Algumas lojas reservam apenas as 24 horas da segunda-feira, enquanto outras emendam desde a Black Friday ou aproveitam a “Cyber Week” para deixar toda a semana com descontos. De todo modo, é preciso se atentar ao período de cada loja para não perder os preços baixos dos produtos desejados. Além disso, os horários específicos podem ser importantes em certas ocasiões. Em sites que deixarão a liquidação apenas por um dia, é possível que os estoques se esvaziem mais rápido. Por isso, comprar pela manhã ou “madrugar” pode ser a opção nos casos de descontos muito grandes ou em produtos muito procurados. Outra dica para não perder as promoções é acompanhar as redes sociais das lojas que deseja comprar, que costumam anunciar quando os produtos entram em oferta. Veja também: Quatro dicas para proteger suas informações online Quatro dicas para proteger suas informações online 7. Mantenha um orçamento Reservar uma quantia específica que pode ser gasta na Cyber Monday pode fazer com que a experiência de compra seja mais benéfica. Em ambientes cheios de ofertas e pop-ups que oferecem mais descontos, se ater a um valor previamente delimitado ajudará a manter o foco na compra. Muitos produtos em oferta acumulados podem sair mais caros do que o esperado. 8. Use a aba anônima para fazer compras Usar a aba anônima do navegador tende a ajudar o comprador a manter a privacidade em relação às lojas. Isso porque sites podem reter o histórico de pesquisa e, com isso, apresentar descontos diferentes, dependendo do que o usuário já tiver pesquisado. Além disso, o histórico de compra na própria loja virtual pode afetar o preço de uma possível nova aquisição. Por isso, recomenda-se fazer compras e pesquisas no modo anônimo, opção que não armazena cookies ou informações pessoais. 5 de 5Modo de navegação anônima pode ser útil para as compras — Foto: Reprodução/Rebeca Letieri Modo de navegação anônima pode ser útil para as compras — Foto: Reprodução/Rebeca Letieri 9. Prefira pagar com cartão de crédito Em compras online, a preferência por pagar com cartão de crédito pode dar mais segurança para o usuário. Em um site confiável, com a devida proteção de dados do cartão, é mais fácil pedir estorno do valor de uma compra. O processo não é o mesmo em casos de pagamento por boleto. Além disso, é possível resolver problemas que o usuário tenha em relação à cobrança da loja, como valores diferentes, com a própria agência do cartão ou no banco. Dessa maneira, eventuais problemas podem ser resolvidos com mais facilidade. 10. Monitore a atividade da sua conta Em períodos como a Cyber Monday, com descontos suspeitos e muita movimentação financeira, é interessante se atentar à atividade da sua conta no banco ou do cartão de crédito. Dependendo do local onde o usuário efetua a compra, ou até de acordo com a rapidez com a qual o cartão é usado, as atividades podem ser caracterizadas como fraudes e clonagens pelo sistema. O consumidor também pode reportar ao banco em caso de movimentações suspeitas na conta.

Leia também  Número de queimadas diminui