Luiz Barsi sobre a crise da bolsa: estou comprando tudo que é possível

São Paulo – A semana começou com altas doses de tensão na bolsa, com queda de 12% no Ibovespa nesta segunda-feira. Para Luiz Barsi, um dos maiores investidores da bolsa brasileira, dias como o de ontem são uma nova oportunidade de relembrar que a incerteza faz parte do jogo, e que, no longo prazo, fundamentos sólidos prevalecem. O Ibovespa fechou a segunda-feira nos 86 mil pontos, retornando aos valores de 2018.

Você pode ganhar de 2mil a 5mil reais vendendo geladinhos gourmet!

“São fatos que já ocorreram inúmeras vezes. É mais uma influência psicológica para os demais papéis que não os da Petrobras”, disse Barsi em vídeo divulgado por sua filha, Louise, em suas redes sociais. “Os demais papeis estão sofrendo a pressão do mercado, mas as empresas continuam funcionando com vírus ou com crise do petróleo. Eu estou comprando tudo aquilo que é possível comprar. O jacaré está de boca aberta esperando a passarinhada”.

Com 50 anos de atuação na bolsa, Barsi, que faz 81 anos nesta terça-feira, tem se dedicado cada vez mais a passar suas lições para novos investidores. Um de seus cursos, Ações Garantem o Futuro, fará parte de uma nova grade de cursos a ser lançada em breve pela EXAME. “É uma estratégia simples, mas que a maioria das pessoas não segue porque busca aquela fórmula rápida de enriquecimento rápido”, diz Felipe Ruiz, sócio de Barsi.

Leia também  O mundo de Adélio