Organizadores de manifestações em apoio ao presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmaram na sexta-feira, 13, que os atos programados para este domingo, 15, em Venâncio Aires, estão mantidos. Os participantes chegaram a ser consultados sobre possível cancelamento, em virtude do alerta de necessidade de prevenção ao coronavírus, mas a decisão foi pela realização do manifesto na Capital Nacional do Chimarrão.

Vice-presidente do Partido Social Liberal (PSL) no município, Dirceu Becker informa que haverá concentração, a partir das 14h, no Parque do Chimarrão, para uma carreata, que sairá às 15h e vai descer o Acesso Dona Leopoldina, dobrar na General Osório (Prefeitura), entrar na Tiradentes e encerrar na Praça Evangélica, onde haverá ato cívico, organizado pelo Movimento Direita dos Vales (MDV).

Coordenador do MDV, Arthur Wickert diz que serão arrecadados alimentos não-perecíveis, roupas e brinquedos para famílias e crianças carentes da região. “Além disso, vamos cantar o hino e explicar os motivos pelos quais estaremos lá”, comenta.

Becker, por sua vez, ressalta que “a intenção é dar suporte ao presidente Bolsonaro e à sua equipe”, protestando contra os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, respectivamente, e também contra o STF. “A única coisa que os maus políticos temem é a força do povo unido. Queremos dar respaldo ao presidente para que continue no ótimo ritmo que está. Não podemos nos curvar a desmandos”, diz o vice-presidente do PSL.

Comentários