O Rei Pelé foi muito além da esfera do futebol, tornando-se uma das pessoas mais conhecidas da humanidade. Participou de diversas campanhas publicitárias, teve participação na política brasileira, compôs músicas e teve uma grande carreira no cinema.

Em 1962, no ano em que o Rei conquistou dois títulos mundiais, um pelo Santos e outro pela Seleção Brasileira, foi lançado o primeiro filme em sua homenagem, “O Rei Pelé”. O Atleta do Século teve algumas aparições durante o filme, como ele mesmo. Alguns de seus companheiros de Santos também participaram do longa: Zito, Pepe, Tite, Pagão, Dorval, Lima, Maneco e Vasconcelos, além do técnico Lula e o presidente Athié Jorge Coury.

O filme foi baseado num livro de Pelé com coautoria de Benedito Ruy Barbosa, com diálogos escritos por Nélson Rodrigues, que aparece no filme como ele mesmo, e narração de Lima Duarte.

O seu primeiro filme desencadeou uma série de convites e participações no cinema. Em alguns casos, participou como ele mesmo, e em outros, como um personagem.

O Barão Otelo no barato dos bilhões (1971)
Ainda no decorrer de sua carreira, Pelé participou pela primeira vez de um filme como um personagem, como “Dr. Arantes”.

Fuga para a vitória (1981)
Produzido nos Estados Unidos, é um dos filmes mais conhecidos que o Rei participou. Como prisioneiro Luis Fernández, o Rei atuou ao lado de nomes como Michael Caine e Sylvester Stallone. No longa, vários detentos desafiam o exército nazista para uma partida de futebol.

A vitória do mais fraco (1983)
Mais uma vez a convite de John Houston, mesmo diretor de “A Fuga para a Vitória”, Pelé vive um dos responsáveis por tentar salvar um orfanato.

Os Trapalhões e o Rei do Futebol (1986)
Produzido para comemorar os 20 anos dos Trapalhões, Pelé vive o repórter esportivo Nascimento, ao lado de Didi, Dedé, Mussum e Zacarias.

Pelé Eterno (2004)
Documentário mais conhecido sobre a carreira do Rei do Futebol, que além de lindas imagens de sua carreira, conta com depoimentos de Pelé e de uma série de outros atletas.

Pelé: O Nascimento de uma Lenda (2017)
A produção americana até o momento é a ultima obra lançada em homenagem ao Rei. O filme conta o começo de Pelé e aborda a Copa do Mundo de 1958.

Comentários