São Paulo vence o Sport com jogada ensaiada e mantém liderança

Segue o líder. E agora ainda mais isolado. O São Paulo venceu o Sport na tarde de hoje (6), no Morumbi, e se manteve na primeira colocação do Campeonato Brasileiro. A vitória por 1 a 0 foi confirmada sem muito brilho, mas com uma nova jogada ensaiada, que desta vez habilitou Luciano a marcar mais um. O camisa 11 fez ainda no primeiro tempo o único gol da partida da 24ª rodada.

Com o resultado, o Tricolor chega a 47 pontos e ampliou a vantagem para os rivais no topo da tabela do Brasileirão. O Atlético-MG, vice-líder com agora 43 pontos, apenas empatou com o Internacional por 2 a 2. Já o Leão da Ilha segue flertando com a zona do rebaixamento, com 25 pontos na 16ª colocação.

Na próxima quarta-feira (9), o São Paulo faz o último jogo atrasado que deve do primeiro turno. O Tricolor recebe o Botafogo no Morumbi, às 21h30. O Sport, por sua vez, enfrenta o Coritiba no próximo domingo (13), na Ilha do Retiro, às 18h15.

O melhor: Luciano deixa mais um

Desde que chegou ao Tricolor do Morumbi, Luciano melhorou muito. E hoje foi mais uma demonstração de que vive um momento iluminado. Protagonizou a jogada ensaiada com Dani Alves no primeiro tempo e colocou novamente a bola nas redes. É o 12º tento do atacante no Brasileirão, que ficou próximo de fazer outro neste domingo.

O pior: Juanfran

Lento na participação ofensiva, Juanfran não fez uma das melhores exibições na partida de hoje. Tomou cartão amarelo infantil ao demorar para bater um lateral e praticamente não contribuiu no ataque. Pendurado, acabou substituído por Igor Vinícius. Brenner também pouco contribuiu e passou em branco no confronto.

Jogada ensaiada e gol, de novo

Viralizou depois do jogo de quinta-feira do São Paulo, contra o Goiás, uma jogada executada exatamente como havia treinado Fernando Diniz. Naquela partida, uma movimentação rápida de Luciano e Sara em cobrança de lateral terminou em gol de Brenner (veja no vídeo acima). Se aquele lance no 3 a 0 ganhou o noticiário, é provável que o gol são-paulino diante do Sport hoje volte a render elogios ao trabalho de Diniz. Isso porque os homens altos puxaram a marcação no escanteio e Dani Alves encontrou Luciano livre para furar o bloqueio adversário.

Leia também  Imposto de Renda: Contribuintes já podem consultar 3º lote de

“Se você tomar amarelo, tá f***”

Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Ninguém desconfia da amizade entre Luciano e Fernando Diniz — eles estiveram juntos no Fluminense e o técnico pediu a contratação do atacante no São Paulo. Mas a ausência de público no Morumbi fez com que uma bronca do treinador em seu atleta vazasse na transmissão. Com cerca de 15 minutos da etapa final, o comandante esbravejou para o camisa 11: “Se você tomar amarelo, tá f***”. No fim, ele se segurou e foi substituído zerado.

São Paulo marca cedo e relaxa demais

O gol cedo poderia ser muito produtivo ao São Paulo, já que obrigaria o Sport a sair para o jogo e encontraria mais espaço na frente. Só que a vantagem logo de início fez a equipe de Diniz relaxar muito em campo e criar de menos. O principal problema foi a lentidão, principalmente quando a bola chegava na segunda linha do ataque (ocupada pelos meias e os laterais, quando avançam).

Sport melhora quando povoa o meio

Inofensivo no primeiro tempo, o Sport cresceu na segunda etapa muito por conta das mexidas de Jair Ventura. O técnico colocou para jogo Thiago Neves e Jonatan Gómez e as coisas melhoraram. Tanto é que a equipe passou a dar mais trabalho e ocupou o campo de ataque.

Cronologia do jogo

O São Paulo começou em cima e logo achou um gol. Aos 13 minutos do primeiro tempo, Daniel Alves apostou em jogada ensaiada em um escanteio, e deu certo. A bola encontrou Luciano, que bateu de primeira e abriu o placar. Nos acréscimos da etapa final, Luan Polli defendeu de forma impressionante um chute de dentro da área do Luan são-paulino.

FICHA TÉCNICASÃO PAULO 1 X 0 SPORT

Data: 6 de dezembro de 2020, domingoHorário: 16hLocal: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)Árbitro: Felipe Fernandes de LimaAssistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira e Sidmar dos Santos MeurerVAR: Igor Junio Benevenuto de OliveiraCartões amarelos: Juanfran, Luan, Daniel Alves, Arboleda (São Paulo); Ricardinho, Sander, Iago Maidana, Rafael Thyere (Sport)

Leia também  Perto dos 100 gols, Gabriel Jesus fala de Seleção, City e da mudança de posicionamento em campo

GOL: Luciano, aos 13 minutos do primeiro tempo.

SÂO PAULOTiago Volpi; Juanfran (Igor Vinícius); Arboleda, Bruno Alves, Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Gabriel Sara; Igor Gomes (Vitor Bueno); Luciano (Pablo) e Brenner (Tchê Tchê). Técnico: Fernando Diniz.

SPORTLuan Polli; Patric, Rafael Thyere, Iago Maidana (Thiago Neves), Chico, Sander; Marcão Silva (Mikael), Ronaldo Henrique (Betinho), Ricardinho (Jonatan Gómez), Lucas Mugni; Dalberto. Técnico: Jair Ventura.