Categorias
Cinema

Oficina de interpretação com Marcélia Cartaxo abre ano letivo 2020 no Porto Iracema das Artes

Estimado usuário, identificamos que o seu navegador não conseguiu abrir todos os componentes necessários para o completo funcionamento do sistema. Recomentamos que atualize o seu navegador.

Premiada por personagens memoráveis como Macabéa, da adaptação de 1985 do livro “A Hora da Estrela”, e Pacarrete (2019), do filme de mesmo nome que venceu o último Festival de Gramado, a atriz Marcélia Cartaxo é uma das mais importantes do País. E ela estará no Porto Iracema das Artes, escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM), no próximo dia 10 de março para a abertura oficial do ano letivo 2020, que terá “Poéticas de Coexistência” como tema norteador das ações formativas e dos eventos ao longo de todo o ano.

A oficina “Interpretação para cinema e TV”, ministrada por Marcélia de 10 a 12 de março, abre a temporada formativa do programa básico, que contará ainda com diversas oficinas e cursos nas áreas de Audiovisual, Fotopoéticas, Artes Visuais e Artes Cênicas. As inscrições desses outros percursos serão iniciadas no dia 16 de março. Todas as formações da Escola são inteiramente gratuitas.

A escolha da atriz Marcélia Cartaxo para a abertura do ano letivo está diretamente relacionado com o tema do ano. “Marcélia é uma artista extraordinária, simboliza a experiência de uma mulher nordestina brasileira, que ocupou um lugar na cena nacional, enfrentando com coragem os poderes estabelecidos do sistema de artes no país. É lindo vê-la como Macabéa e Pacarrete. Esses personagens formam uma síntese do brasileiro nordestino, que rompe com talento e coragem o julgo das lógicas autoritárias”, explica Bete Jaguaribe, diretora da Escola.

Para o secretário da Cultura, Fabiano Piúba, o tema é “instigante, reflexivo e inventivo”. “É um tema que traz a dimensão da relação humana, da coexistência entre as diferenças. Se por uma margem, não há resistência sem luta, não há existência sem amor. Com outra margem, não há existência sem luta e não há resistência sem amor. Com essa temática, a Escola traz uma possibilidade, um ambiente importante da gente estar pensando essa coexistência na resistência, a resistência na coexistência, levando em conta o amor e a diversidade”, afirma.

A formação “Interpretação para cinema e TV” conta com 25 vagas, preenchidas por ordem de chegada no primeiro dia da atividade, e terá um total de 12 horas/aula. De 10 a 12 de março, das 14h às 18h, a oficina será realizada na sala de teatro Sidney Souto, no Porto Iracema das Artes, e é voltada para atrizes e atores que desejem se aperfeiçoar ou se familiarizar com as especificidades da atuação no cinema e na televisão.

O Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há seis anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

Abertura do ano letivo 2020 do Porto Iracema das Artes
Oficina “Interpretação para cinema e TV”, ministrada por Marcélia Cartaxo
Período da oficina: 10 a 12 de março, das 14h às 18h
Carga horária: 12 h/a
25 vagas – preenchidas por ordem de chegada no primeiro dia da atividade
A partir das 13h
GRATUITO

© 2017 – 2020 – governo do estado do ceará todos os direitos reservados

Comentários