É normal que opinião do público seja diferente da dos críticos de cinema, já que o espectador comum pode relevar algumas falhas mais técnicas. No entanto, esses 19 filmes conseguiram desagradar até quem é menos exigente.

Nesta lista estão 19 títulos avaliados com a pior nota do ranking CinemaScore, elaborado por uma empresa de Las Vegas para medir a satisfação dos espectadores ao sair das salas, a nota “F”.

Christian Slate e Tara Reid estão neste filme de Uwe Boll, onde o ator vive um caçador de fenômenos paranormal. Parece que a proposta não agradou muito ao público.

Nem a paixão do público por Cameron Diaz foi capaz de salvar o dia. O filme conta a história de um casal que recebe uma misteriosa caixa com a promessa de ganhar 1 milhão de dólares se eles matassem alguém que não conhecem. Parece promissor, certo?

Em Possuídos – que, em inglês, se chama Bug -, Ashley Judd e Michael Shannon são um casal que vai passar a noite em um motel, mas descobre uma infestação de insetos.

De origem espanhola, o filme com Anna Paquin fala sobre uma adolescente que se muda com os pais para uma nova casa, onde anos antes um ritual macabro matou todos os moradores.

Não é porque tem uma freira demoníaca que o filme de terror vai dar certo. Foi isso que provou o longa-metragem de William Brent Bell, que gira em torno de exorcismos malsucedidos.

Não é à toa que, originalmente, o filme se chama “Disaster Movie”. Possivelmente um dos maiores erros da história cinematográfica, essa comédia pastelão pode ser creditada aos diretores e roteiristas Jason Friedberg, Aaron Seltzer. Curiosidade: Super-Heróis é também o filme mais mal avaliado do ranking do IMDb.

Você vai ao cinema ver um filme com Richard Gere, Helen Hung, Farrah Fawcett, Laura Dern, Shelley Long, Kate Hudson, Tara Reid e grande elenco. O mínimo que você espera é algo engraçado, romântico e bem construído, certo? Pois não foi isso que acharam os espectadores dessa comédia sobre um ginecologista que se vê cercado de problemas envolvendo as mulheres ao seu redor.

Ashley Judd parece ser outra constante nos títulos mais mal avaliados. Neste longa sobre um investigador que persegue uma serial killer de homens em todo o território dos Estados Unidos, ela contracena com Ewan McGregor.

A primeira pergunta que devemos fazer é: por que alguém veria um filme com este título? Pois bem, para surpresa de ninguém, o filme sobre misteriosas mortes que acontecem quando se loga em um sistema online é um dos piores avaliados na lista do CinemaScore.

Outra prova de que elenco de peso não é sinônimo de sucesso, o suspense traz Meg Ryan, Mark Ruffalo e Jennifer Jason Leigh num romance de investigação que tinha potencial, mas não engatou.

Surpreendentemente, o filme de ação encabeçado por Brad Pitt não conseguiu agradar os espectadores do CinemaScore. Apesar da qualidade da produção, a história não decola e o filme vira quase uma comédia.

Um professor católico encontra um jornalista ateu. Parece começo de uma piada, mas é o roteiro do filme em que um grupo de católicos acredita que o jornalista é o Anticristo.

A total ausência de química entre John Travolta e Lissa Kudrow pode receber parte do mérito pelo fracasso dessa comédia sobre um esquema de fraude à loteria.

Mais recente da lista e um dos que mais dividiu opiniões recentemente, a película de Darren Aronofsky não agradou nem um pouco o público, que pode muito bem não ter entendido o propósito de toda aquela agonia.

Uma das grandes surpresas da lista, Solaris, o clássico da ficção científica protagonizado por George Clooney, não convenceu o público dos cinemas, mas recuperou sua popularidade depois, nas telinhas.

Era óbvio que teríamos Nicholas Cage nesta lista. O ator tem uma espécie de dedo podre na hora de escolher seus trabalhos, e a presença de O Sacrifício na lista não é bem uma surpresa.