Esta é uma visita de reconhecimento do país para possíveis acordos de rodagem de produções cinematográficas em Portugal, numa iniciativa a convite do Turismo de Portugal e do ICA, e que surge no seguimento da criação do Fundo de Apoio ao Turismo e ao Cinema.

Aquele novo Fundo de Apoio ao Turismo e ao Cinema – cuja regulamentação ainda não entrou em vigor – tem como objetivo apoiar iniciativas que contribuam para promover Portugal como destino turístico todo o ano e vem substituir o benefício fiscal à produção de filmes em território nacional, segundo o decreto-lei.

Um dos eixos estratégicos da atual direção do ICA passa pelo plano internacional, não só para uma maior divulgação externa da produção cinematográfica portuguesa, mas também para mostrar Portugal como um território atrativo para nele investirem.

Em junho, em entrevista à agência Lusa, o presidente do conselho diretivo do ICA, Luís Chaby Vaz, revelou que o instituto tinha recebido, até então, pedidos para dez projetos, oriundos de países como Espanha, França, Bélgica, Índia e Alemanha.