Grande favorito aos principais troféus desta temporada de premiações e ao Oscar, vencedor do Leão de Ouro de Veneza 2018 e atual detentor dos títulos de Melhor Filme Estrangeiro e de Melhor Direção do Globo de Ouro: assim é Roma, de Alfonso Cuarón. Aproveitando a onda de aclamação da obra mexicana da Netflix, a Vitrine Filmes expandirá o acesso do drama 5 estrelas no Brasil, levando o filme para mais quatro cidades em sessões únicas: Fortaleza, Porto Alegre, Recife e Teresina.

Os cinéfilos destas quatro capitais poderão conferir Roma, que narra a história de Cléo (Yalitza Aparicio),  uma empregada de origem indígena que tem a tarefa de sustentar e manter unida uma decadente família de classe média mexicana, entre os dias 16 e 17 de janeiro — no último mês de dezembro, o longa esteve em cartaz no Rio de Janeiro e em São Paulo, por iniciativa da própria Netflix. Maiores informações sobre preços dos ingressos das sessões — que custam entre R$ 5 e R$ 20 —, horários e locais de exibição podem ser conferidos aqui, no site oficial da distribuidora brasileira. A Vitrine anunciou ainda que pretende estender a turnê de Roma pelo Brasil, em cidades e datas que serão divulgadas no futuro.

Vale ressaltar que, logo após o triunfo no Globo de Ouro com sua obra autobiográfica, Cuarón defendeu o lançamento de Roma via Netflix. Segundo o realizador, a iniciativa da gigante do streaming não “destrói” a experiência cinematográfica. Para ele, as companhias do segmento vêm dando oportunidades para que mais cineastas possam entregar trabalhos mais ousados, que provavelmente encontrariam problemas para atrair espectadores na atual era dos blockbusters: “Minha pergunta para você é: qual você acha que seria o tamanho do lançamento de filme mexicano, em preto e branco e falado em espanhol, sem grandes estrelas?”, rebateu o diretor.