A escola de samba São Clemente escolheu na madrugada desse domingo (6) o samba-enredo para 2020. A canção escolhida foi escrita pelo humorista Marcelo Adnet, 38, e por mais sete pessoas. São elas: André Carvalho, Camilo Jorge, Gabriel Machado, Gustavo Albuquerque, Luiz Carlos França, Pedro Machado e Raphael Candela.

“Estamos muito felizes com todo o processo da disputa de samba. Nossa ala de compositores correspondeu muito bem às nossas expectativas e tivemos grandes obras no concurso. Chegamos à final com três sambas de alta qualidade. Sobre o campeão, nada a dizer a não ser comemorar. Uma super obra, com a classe e a marca registrada da nossa escola: alegria e irreverência. Vamos confiantes para um grande Carnaval”, declarou Renato Almeida Gomes, presidente da São Clemente. 

Adnet usou o Instagram para agradecer à escola: “São Clemente, obrigado! Como faz para não se render ao calor de sua quadra, à simpatia e sinceridade do seu chão. Parece que já havia vivido muitos sábados ali, na batida do samba, na euforia dramática de ser sambista. Somos movidos pela paixão. Queria agradecer cada gesto de carinho mas certamente não caberia aqui. Tudo bem, a gente se encontra logo mais. Obrigado e parabéns aos meus parceiros e a todas as parcerias concorrentes! Foi demais pular e sonhar com vocês! Vamos juntos sem medo de acreditar!”.

Em 2019, a São Clemente ficou em 12º lugar na disputa do Grupo Especial do Rio de Janeiro. Em 2020, será a primeira escola a desfilar na segunda-feira de Carnaval, dia 24 de fevereiro, defendendo o enredo “O Conto do Vigário”.

Copyright Folha de S.Paulo. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).