As interações com a assistente pessoal e virtual da Amazon, Alexa, poderão se tornar consideravelmente mais divertidas – e profanas – depois que o ator Samuel L Jackson entrou no jogo para emprestar sua voz ao dispositivo.

A estrela de Hollywood é a primeira voz de celebridade com Inteligência Artificial (IA) a ser lançada na Alexa. Esse recurso será disponibilizado aos usuários ainda este ano por uma taxa, segundo um anúncio da gigante de tecnologia e varejo.eval(ez_write_tag([[300,250],’sempreupdate_com_br-medrectangle-4′,’ezslot_2′,613,’0′,’0′]));

O recurso Jackson permitirá que os usuários de dispositivos habilitados para Alexa interajam com uma versão de IA do ator desenvolvida usando a tecnologia neural de texto-para-fala da empresa.

Jackson já disse que ele é solicitado semanalmente pelos fãs para reproduzir sua famosa performance em Pulp Fiction, na qual ele recita a passagem bíblica de Ezequiel 25:17.

O recurso da Alexa promete fazer uso liberal da reputação da linguagem de Jackson. Porém, os usuários terão a capacidade de ativar e desativar os xingamentos.eval(ez_write_tag([[300,250],’sempreupdate_com_br-box-4′,’ezslot_1′,619,’0′,’0′]));

Por fim, outras atualizações incluíram novas opções de privacidade, como exclusão automática de gravações de voz e novos comandos que forçam o programa a revelar os dados coletados.

Dessa maneira, os recursos de privacidade surgem após preocupações com a retenção dos dados dos usuários e o tratamento que a empresa deu a eles e a capacidade de seus dispositivos de gravar conversas.