Bruno Bebianno virou fisiculturista após perder 32 kg: "Queria ficar saradinho"

Bruno Bebianno recebeu pedidos dos diretores de TV e cinema para maneirar na dieta após ter perdido 32 quilos. O ator, de Minha Mãe é uma Peça, chegou a competir como fisiculturista após conquistar a boa forma, mas teve que abrir mão do esporte em nome da profissão.

“Eu competi por dois anos, mas competir é complicado para o ator porque envelhece muito. Você fica com a taxa de gordura tão baixa que a pela fica muito seca. Colegas e diretores me disseram: ‘Bruno, mantenha o corpo bonito e definido, mas não com aquele 4,5% de gordura  porque envelhece demais. É legal, mas para o trabalho de ator não”, explicou.

“Eu nunca tinha pensado em competir mesmo. Eu só queria secar e ficar saradinho. Aí cheguei em um ponto em que as pessoas me incentivaram a competir e foi muito legal”, afirmou.

Ele contou que hoje se mantém na dieta, mas abre exceções para a cerveja, por exemplo. “Hoje prefiro manter uma segunda a sexta bem regrado e tomar a minha cervejinha no sábado. É mais legal”, disse.

Bruno afirma que nunca sofreu preconceito por estar acima do peso. O emagrecimento foi gerado por uma vontade própria. “Fui bem gordinho, mas como sempre fiz muita comédia, nunca senti esse preconceito. Emagrecer foi uma coisa mais minha mesmo, de querer estar com a saúde bem.”

No entanto, o ator, que voltará aos cinemas com o longa-metragem Minha Mãe é Uma Peça 3, e também está no elenco de O Riso do Ariano, tem visto novas portas de trabalho se abrirem após ele entrar em forma.

“Quando emagreci abriu um leque muito grande. Começaram a me chamar para um monte de coisa. Tudo que dá mais trabalho para a gente é ótimo”, vibrou ele, que ainda estará na série Minha Mãe É Uma Peça. “Sempre tem coisa para caramba, graças a Deus.”

Leia também  Após perder 46 kilos, Simone Gutierrez revela que perdeu alguns trabalhos devido ao ...

A vida amorosa também melhorou. Ele está namorando a atriz Milah Coutinho. “A automestima fica melhor e naturalmente reflete nos relacionamentos. Hoje aprendi a me aceitar de qualquer forma, mas é inegável que a autoestima melhorou depois que emagreci.”