Esqueça a ideia de proibição. Para melhorar o seu comportamento alimentar é preciso incluir hábitos saudáveis.

Em 23/02/2021 11:47

Muitos pensam que o primeiro passo para melhorar a alimentação, seja com objetivo de emagrecer ou melhorar a saúde, é restringir alimentos e ter uma lista de proibidos. Mas, não: o ideal é que você comece INCLUINDO, não restringindo.

Entenda que focando no que te beneficia, você passa a incorporar na rotina os hábitos que devem perdurar para criar resultados sustentáveis. Emagrecer, adquirir saúde ou mesmo aumentar o peso pelo desenvolvimento de massa muscular, depende qualidade alimentar.

E se você por algum motivo não está acostumado em consumi-los, natural que sinta uma dificuldade no início do processo. Por isso, listar uma série de alimentos como proibidos, só vai aumentar sua vontade de consumi-los.

Mas queremos que isso aconteça de uma forma saudável e sustentável, para que as mudanças na alimentação virem hábitos e essa dieta se transforme no seu novo estilo de vida.Este é o caminho para que os resultados sejam duradouros.

Queremos que você tenha resultado positivo e o MANTENHA. E isso conseguimos com uma dieta EQUILIBRADA.

COMER COLORIDO NÃO É COMER UMATIGELA DE FROOT LOOPS

Alimentos existem não para nos fazer engordar ou emagrecer, mas para nutrir nosso corpo a fim de que ele cumpra suas funções vitais. O que você escolhe comer pode estar promovendo sua saúde ou predispondo você a doenças.

Para promover saúde e bem estar, a base da nossa dieta deve ser comida de verdade, fresca, natural. É isso que seu corpo precisa para viver bem; é disso que você precisa para prosperar.

Mas você sabe o que é comida de verdade?Respostas:In natura ou minimamente processado: sim.Processado: sim, mas não deve ser a base da alimentação.Ultra processado: fala sério.

Leia também  Quer emagrecer? Nutrólogo sugere dieta fácil e barata para perder peso com saúde. Confira!

NÃO É BANIR; É DOSAR.

Quando eu falo em comida de verdade, quero dizer alimentos mais naturais e integrais e menos industrializados e processados.

Sua dieta terá como base:Vegetais e frutasRaízes e cereais

Os alimentos e seu grau de processamento É comida de verdade?“In natura” (da natureza para o prato) ou minimamente processado: o alimento passa por alterações mínimas de limpeza, moagem, secagem, pasteurização, refrigeração etc.

Ex: frutas, legumes, verduras, arroz, feijão, ovo, carnes resfriadas, castanhas, nozes, farinhas etc.Processado: a indústria acrescenta sal, açúcar ou outro ingrediente culinário ao alimento para torná-lo mais durável ou agradável ao paladar.

Ex: extrato de tomate, atum enlatado, queijos, pães etc.Ultra processado: é uma formulação industrial formada majoritariamente por substâncias sintetizadas em laboratório.

Ex: biscoitos de pacote, cereais açucarados, barrinhas de cereal, sopa instantânea, pratos prontos congelados etc.Carnes, ovos e peixesSementes e castanhasIogurte e queijos (caso você não tenha restrição)Na sua dieta, teremos todos os grupos alimentares (proteínas, carboidratos e gorduras).Daqui a pouco falaremos sobre a importância de cada grupo alimentar, para entender por que você vai comer de tudo!

Comer mais ou menos calorias define se você engorda, emagrece ou mantém seu peso. Por isso, precisamos controlar as QUANTIDADES.

Mas de onde essas calorias vêm faz diferença para a composição corporal!Por isso cuidaremos da QUALIDADE dos alimentos e sempre montaremos um prato bem completo.O QUANTO VOCÊ COME (DE VERDADE)?

A partir de agora, quero que você preste mais atenção à quantidade de comida que você ingere. Quero que se atente, de modo especial, àqueles alimentos que você fica “beliscando” entre as refeições, enquanto trabalha ao computador, vê televisão, dirige…

Vamos fazer o seguinte? Você vai arranjar uma balancinha de precisão e pesar tudo o que come no dia. Eu disse: tudo! Faça isso por 4 dias e vá anotando.

Leia também  Covid-19: óbitos passam de 240 mil e casos somam quase 10 milhões

Se você não tiver uma balança, tudo bem, isso não é desculpa para não fazer o exercício. Pegue uma caderneta e anote tudo (tudo!) o que você comer ou beber durante o dia (com exceção de água).

Monitore-se e…prepare-se para surpresas.

Comentários