O número de organismos do Estado que registou os seus imóveis cresceu em 2018 para 458 (mais 15 face a 2017). Ainda assim, o número de imóveis registados no Sistema de Informação dos Imóveis do Estado (SIIE) caiu nesse período, somando um total de 23.456 imóveis – a que corresponde um decréscimo de 142 registos em relação ao ano anterior.

Do total de imóveis registados no SIEE, 17.656 registos são referentes a imóveis do tipo edifícado e 5.800 relativos a terrenos, escreve o Jornal de Negócios, com base no relatório da Conta Geral do Estado de 2018, e destacando que estes dados traduzem decréscimos de 115 e 28, respetivamente.

O relatório da Conta Geral do Estado, segundo o diário, revela ainda que as operações de alienação de património imobiliário promovidas em 2018 pela Direção-Geral do Tesouro e Finanças (DGTF) originaram receita no valor global de cerca de 13,3 milhões de euros, o que representa um acréscimo de 224% face ao valor de receita de cerca de 4 milhões de euros obtida em 2017.

Estes números, aponta o Negócios, não abrangem os valores das vendas de imóveis a cargo do Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social.

Os trabalhadores independentes têm até ao final do mês de julho para entregar à Segurança Social a declaração trimestral de rendimentos (relativa aos meses de abril, maio e junho).

A lista dos 50 portugueses mais ricos do país, donos de uma fortuna acumulada de 24 mil milhões de euros é divulgada pela revista Forbes esta quarta-feira (3 de julho de 2019). Para já, só são conhecidos os rostos do top 10 dos milionários. Maria Fernanda Amorim continua a ser a dona da maior fortuna de Portugal, com um legado avaliado em mais de 4 milhões de euros. Mas há surpresas na tabela: o fundador da Farfetch, José Neves, saltou do nono para o quarto ludar do ranking.  

Os clientes bancários já podem apresentar reclamações online ao Banco de Portugal (BdP). Como? Através do Livro de Reclamações Eletrónico.

Lidar com a responsabilidade e a inveja de herdar uma grande riqueza é um “fardo” incompreendido por muitos, de acordo com Susanne Klatten e Stefan Quandt, irmãos multimilionários donos de quase metade da BMW.

O futebol movimenta, todos os anos, milhões de euros. Mas há negócios e negócios. Hoje trazemos-te aquelas que são consideradas as transferências mais caras de sempre no futebol mundial.

As trabalhadoras portuguesas continuam a ganhar menos 18,2% que os seus colegas homens, ainda que os níveis de desigualdade salarial estejam a diminuir. Em causa está o Barómetro das Diferenças Remuneratórias entre Mulheres e Homens.

Comentários

Você não precisa sofrer pra fazer dieta.

entre para o Desafio 19 dias