Preciso passar fome para emagrecer?

Como você se sente quando está com fome? – Irritado, impaciente, nervoso, entristecido? Você sabia que a fome é uma sensação que traduz o desejo de uma real necessidade e que deve ser respeitado?

Em nenhuma literatura científica confiável encontramos a informação de que é necessário sentir fome para nos tornarmos pessoas mais saudáveis ou magras, portanto este raciocínio não se encaixa no contexto de vida saudável pela indevida valorização de sentimentos como privação, desconforto ou sofrimento.

Considerado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como “um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não somente ausência de afecções e enfermidades”, o conceito de saúde associa-se ao cultivo de uma relação consciente e atenta com os alimentos.

A fome também é um processo fisiológico regulado especificamente no hipotálamo (conhecido como o centro regulador da fome e da saciedade) e que estimula a liberação de substâncias com função anorexígena (estimula a saciedade) e orexigena (aumento na vontade de comer). Temos como exemplo de substância orexigena a grelina, hormônio liberado pelo estômago, que quando se encontra vazio, age diretamente no cérebro fazendo com que a sensação de fome seja ativada. Ao ingerirmos qualquer alimento, o estômago por sua vez libera outras muitas substâncias para induzir a sensação de saciedade ou plenitude.

Tomando como base que a fome pode ser impulsionada pela falta de caloria no corpo, deve-se evitar ao máximo que ela apareça e que traga consigo uma vontade incontrolável de comer, sem a possibilidade de fazer escolhas melhores e mais acertadas para você. Porém, temos outros “gatilhos” que interferem nesta sensação, como por exemplo a genética e também questões emocionais, sendo esta última chamada de FOME EMOCIONAL.

A fome emocional aparece de forma imprevisível, inesperada e muitas vezes toma proporção descontrolada, sendo o contrário do que chamamos de FOME FÍSICA, que aparece de maneira gradativa e crescente.

Normalmente, para preenchermos a fome emocional consumimos alimentos que nos trazem conforto e quase sempre ativam o que chamamos de comer hedônico e sistema de recompensa, processos que retroalimentam uma relação muitas vezes de culpa e dependência com os alimentos; vale ressaltar que estas “vias” são estimuladas principalmente por alimentos ricos em gorduras e carboidratos. Nestas situações muitas vezes acabamos por criar relações de dependência emocional com determinados alimentos, não sabendo reconhecer se de fato esta necessidade traduz algo fisiológico e verdadeiramente legítimo.

Pensando que temos 2 tipos de “fomes” (EMOCIONAL E FISIOLÓGICA), e que devemos aprender a “ler” e identificar estas duas de forma correta, algumas estratégias poderão nos auxiliar numa condição de controle:

Todas estas são estratégias para evitar que a sensação de fome associada a privação, pois quando não há reposição de nutrientes o nosso corpo de forma inteligente irá buscar outras fontes de energia para repor o que está em déficit, inicialmente “queimando” as nossas reservas de glicose, também conhecida como glicogênio (muscular e hepático) e quando esta reserva se esgotar, as gorduras e as proteínas serão as próximas fontes ocasionando uma condição pouco saudável e desequilibrada para o seu organismo.

Restrições alimentares e privações sistemáticas de calorias e nutrientes podem provocar muitos problemas como desnutrição, falta de vitaminas, anemia, alterações de humor, distúrbios de comportamento como ansiedade e tristeza, dor de cabeça, mal-estar, ganho de peso e muitos outros problemas, se afastando da condição de saúde comentada anteriormente. Respondendo, portanto, a questão inicial, não devemos (e nem podemos), passar fome para nos tornarmos pessoas mais saudáveis.

Baby Led Weaning (BLW) significa o desmame guiado pelo bebê e consiste em um método de introdução alimentar. Foi sugerido inicialmente pela britânica Gill Rapley. O BLW defende a oferta de alimentos complementares em pedaços, tiras ou bastões, a partir dos 6 meses de idade, fase recomendada para se iniciar a alimentação complementar. Neste método, a alimentação da criança não é realizada com a colher e nenhum método de adaptação de consistência para preparar o alimento do lactente, como amassar, triturar ou desfiar.

A tecnologia está cada dia mais a favor da nossa saúde. Nos últimos anos, surgiram milhares de aplicativos que auxiliam no cuidado e na administração do nosso bem-estar. Hoje existem mais de 165.000 aplicativos relacionados a esse tema sendo que aproximadamente, 1/4 deles se concentra no gerenciamento de doenças. Há apps e dispositivos focados desde o cuidado com a saúde mental, exercícios para o gerencialmente de quem deseja emagrecer, até alguns que prometem ajudar pessoas que tem dores na coluna. Ainda nessa área de postura e tratamento, diversos gadgets têm ganhado fama por prometerem melhorar a sua postura imediatamente.

Leia também  Saiba como emagrecer com alimentos que você costuma ter em casa

O treinamento funcional é um programa de condicionamento físico que visa aprimorar todas as capacidades físicas dos praticantes, como força, resistência cardiorrespiratória, flexibilidade, agilidade, potência, equilíbrio etc, com movimentos funcionais utilizados no dia-a-dia ou atividades esportivas como empurrar, puxar, agachar, levantar, saltar.

Todos nós temos uma voz interior que muitas vezes nos orienta ou nos deixa na dúvida sobre alguma atitude a tomar, inclusive na hora de se alimentar. Para muitos, isso é intuição, autoconhecimento ou “olhar interno”. O nome não importa. O que de fato é unânime para desenvolver esta percepção é uma sintonia com a comida e também com o seu corpo para que consiga identificar as suas reais necessidades.

Os cariocas e os santistas têm a sorte de ter a praia para praticar esportes, mas saiba que na cidade de São Paulo há cada vez mais adeptos de atividades ao ar livre tem buscado alternativas para praticar esportes em contato com a areia. O futevôlei, por exemplo, tem ganhado destaque.

A doença do refluxo gastresofágico é uma afecção crônica decorrente do fluxo de parte do conteúdo ácido do estômago para o esôfago, o que gera uma variedade de sintomas. Os desconfortos clássicos são pirose (queimação) e a regurgitação.

Você se alimenta direitinho, come de forma saudável, e mesmo assim continua com muita fome? Sentir-se assim realmente é desanimador e frustrante para quem começa a seguir um cardápio mais saudável, e aumenta a possibilidade de desistir de se alimentar de forma adequada. Sim, estar com fome o tempo todo é uma das principais razões pelas quais as pessoas abandonam seu planejamento alimentar.

Você sabia que a dor no ombro corresponde a 7% a 27% dos incômodos relatados pela população? Como o ombro é uma parte do corpo que usamos para praticamente tudo, a limitação em fazer os seus movimentos atrapalha a rotina e gera afastamentos no trabalho. Segundo a American Academy of Orthopaedic Surgeons, a síndrome do impacto ou síndrome do impacto subacromial é a causa mais comum de dor no ombro, com prevalência de 44% a 65% dos casos.

Resumidamente falando, correr nada mais é do que uma sucessão de saltos, ou ainda, um caminhar muito rápido. Porém, quando queremos iniciar no mundo da corrida, isso deixa de ser assim tão simples.

Você gosta de couve? Aquele alimento que normalmente acompanha a feijoada às quartas-feiras tem outras propriedades além de ser um simples “coadjuvante” no prato.

O RPG foi criado na França no início da década de 1950, quando Françoise Mézières, uma terapeuta corporal, observou compensações em áreas distantes do corpo enquanto corrigia um determinado segmento corporal, surgindo assim a ideia de “Cadeias musculares”.

A colina é uma vitamina hidrossolúvel, pertencente à família do complexo B. Apesar de ser produzida em pequenas quantidades pelo nosso organismo, é necessário que a maior parte seja proveniente de fontes alimentares.

Esses dias uma pessoa chegou para mim e falou que queria fazer uma “reeducação alimentar”. Eu pensei: “Como reeducar se não tivemos educação alimentar de base?”

Não é incomum sentir dor de cabeça depois do exercício. Você pode sentir o incômodo em um lado da cabeça ou uma dor latejante em toda a cabeça. Várias fatores podem causar isso e na maioria das vezes são coisas simples de corrigir.

A beterraba possui uma variedade de cores e, consequentemente, de compostos bioativos, nutrientes e benefícios. Tudo isso sem contar a baixa caloria (100 gramas do alimento possuem aproximadamente 33 calorias – a unidade pesa em média 120 gramas).

Leia também  Simone explica o motivo de sua luta contra a balança: 'Ganhei 20kg na gravidez'

Apesar de estar altamente relacionada ao envelhecimento, gravidez e multiparidade, a incontinência urinária é cada vez mais comum entre as mulheres mais jovens e ativas.

Você já ouviu falar nos primeiros 1000 dias de vida? Esse período compreende os 270 dias da gestação e os 730 dias referentes aos dois primeiros anos de vida.

Na linha da suplementos, há um aumento na variedade dos conhecidos pré-treino, sendo que muitos prometem a vasodilatação muscular –conhecida como pump/inchaço. E uma das substâncias presentes nesses produtos para isso é o óxido nítrico.

Chegou nos 39 anos já bate aquele desespero: “Meu Deus! Essa é a temida hora em que vou começar a engordar”. Parece uma avalanche e a cada ano que passa ganhamos mais um quilo (vários). Um peso extra que parece ser só de gordura, estocado nos piores locais. Além do mais, não é tão fácil quanto antes emagrecer, pois antigamente era só segurar um pouquinho a alimentação no sábado para ir para a balada com a barriga chapada.

As Panc são Plantas Alimentícias Não Convencionais; alimentos ainda pouco consumidos pela maioria das pessoas, mas que têm ganhado espaço e força nas prescrições dietéticas de nutricionistas e também no conhecimento popular.

Hoje em dia é consenso que realizar exercícios na gravidez ajuda a melhorar a qualidade de vida da mãe e do bebê. Nos últimos anos, alguns obstetras tem encaminhado as gestantes para aprender exercícios que “facilitam” o parto. Mas muitas gestantes têm dúvidas e até medo de que esses exercícios possam de alguma forma antecipar e prejudicar o parto. Muitas acreditam que devem se exercitar somente na última semana para garantir que o bebê não nasça antes. Mas será que isso é mito ou há algum fundamento nessa crença?

A doença celíaca é um problema autoimune que acomete o intestino delgado, desencadeado pela presença de glúten no trato digestório de indivíduos geneticamente predispostos a desenvolver a doença.

Ao ver o título do texto de hoje é bem capaz que muitas pessoas tenham pensado: “Como assim, Paola? Treinar e fazer atividade física não é exatamente a mesma coisa?”. Não é, e uma pessoa pode realizar atividade física sem nunca treinar.

Cresce no mundo o número de pessoas que apresentam dores crônicas e recorrem aos medicamentos sem orientação específica. O pior de tudo é que, muitas vezes, essas pessoas estão alheias aos seus efeitos colaterais não somente em curto mas também em longo prazo.

Hoje trago dicas de como turbinar sua alimentação com a escolha de alguns alimentos. Selecionei opções que, além de contribuir com nutrientes, fornecem antioxidantes e substâncias que deixam seu organismo mais saudável. .

O sedentarismo é um dos principais fatores de risco para doenças cardíacas. Segundo a Federação Mundial do Coração, a falta de exercício pode aumentar em 50% o risco de doenças cardíacas. Outros fatores incluem dieta rica em gordura saturada, diabetes tipo 2, pressão alta (hipertensão), tabagismo, colesterol alto, obesidade e histórico familiar de doença cardíaca.

Desconfortos em coluna são cada vez mais comuns e estão relacionados ao estilo de vida sedentário e à rotina de trabalho intensa que leva ao estresse e à redução da qualidade de vida.

A dislipidemia é considerada uma doença crônica relacionada a alterações de lipídeos (gordura) no sangue. A gordura no sangue pode estar na forma de colesterol (colesterol total e LDL) ou de triglicérides.

Provavelmente você conhece a kombucha e já ouviu falar de seus inúmeros benefícios.  Os produtos fermentados estão com tudo pelas inúmeras citações sobre suas contribuições à nossa saúde, mas saiba que antes de começar a utilizá-los é necessário leitura, orientação e muita atenção com a forma de preparo e a execução correta de todos os procedimentos durante o preparo.

A diástase abdominal acontece quando ocorre a separação parcial ou completa da musculatura do reto abdominal. É muito comum durante e após a gravidez, pois o útero cresce e os musculatura do reto abdominal se separa para acomodar o crescimento do bebê. Um estudo descobriu que até 60% das mulheres podem apresentar diástase abdominal durante a gravidez ou no pós-parto. No entanto, essa condição não se limita à gravidez, podendo afetar qualquer pessoa, homens, mulheres, adultos ou crianças. Em alguns casos, pode resultar do levantamento incorreto de pesos ou da realização de exercícios abdominais excessivos.

Leia também  As melhores (e as piores) dietas para 2020, segundo especialistas

Você consome bebidas fermentadas? Já ouviu falar em kefir (ou quefir)? Considerado um alimento funcional, que pertence à classe dos simbióticos (associação entre probióticos e prébióticos), esta bebida fermentada pode ser obtida a partir do processo de fermentação induzido pelos grãos de kefir em leite ou da água; o resultado deste processo é uma bebida fermentada de composição variada, com aspectos diferentes, de acordo com a sua matriz de fermentação, ambiente, condições durante a produção, entre outros. Com relação a sua aparência, quando produzido em leite, tem coloração branca e a aparência é semelhante a uma coalhada; quando a fermentação ocorre em água, com a associação de açúcares, o resultado é uma bebida de cor clara, com aspecto gaseificado; o gosto é levemente ácido.

Estalar o dedo ou o pescoço é um hábito comum. Cerca de 25% a 45% da população estala alguma articulação de forma consciente, sendo isso para algumas pessoas mais do que um hábito, é praticamente um vício.

Atualmente, as principais recomendações sobre alimentação saudável sugerem que a dieta deve priorizar principalmente os alimentos in natura ou minimamente processados, ou seja, aqueles que não passaram por nenhuma modificação em sua composição ou forma de apresentação.

Tem dias que, naturalmente, ficamos bem cansados depois de uma rotina intensa de treinamento. Porém, se você percebe que isso tornou-se uma regra e está ficando sem energia constantemente, temos que prestar atenção em algumas causas.

Sempre tentamos fazer o melhor pelos nossos pequeninos. Lembro-me, como se fosse ontem, quando o Nico nasceu e, logo que pude, o coloquei na aula de natação pensando em seu processo de desenvolvimento  ?o mesmo fiz com a Lolo.

As frutas secas são alimentos que passaram pelo processo de retirada de água, mas que mantêm nutrientes e valor calórico da fruta in natura. Apesar de muitas vezes se tornarem mais comuns no cardápio das pessoas em festas de final de ano, as frutas secas estão disponíveis o ano inteiro e podem fazer parte de uma dieta equilibrada.

A temperatura baixou e um movimento mais intenso já pode ser observado nas clínicas de fisioterapia e consultórios médicos. As pessoas passam a se queixar mais de desconfortos e procuram por tratamento. No frio, as pessoas tendem a ficar mais tensionadas e em postura “encolhida”, a preguiça de sair de casa fica maior na mesma medida que a frequência daquela promessa de fazer exercícios diminui.

Não existe um padrão de armazenamento e redução de gordura em nosso corpo. A vida seria ótima se escolhêssemos onde e como a gordura seria estocada. Imagine só comer um brigadeiro e escolher como e onde o estocaria? Seria tudo bem mais fácil.

Ao levantar e baixar o peso durante um exercício de musculação, realizamos a contração da musculatura na fase excêntrica e concêntrica.

Você sabia que dor na região da virilha ou do púbis é extremamente comum entre jogadores de futebol? Para se ter uma ideia, um em cada cinco jogadores já tiveram experiências dolorosas nesta região, o que gera diversos prejuízos e afastamento do esporte.

De acordo com a Associação Brasileira de Transtorno Bipolar (ABTB), cerca de 4% da população adulta mundial sofre de transtorno bipolar e essa prevalência vale também para o Brasil, o que representa 6 milhões de pessoas no país.

Você já ouviu falar no feijão azuki? Este é um tipo de feijão (Phaseolus angularis) de cor vermelha e com grãos de tamanho um pouco menor do que o feijão tradicional.