Categorias
Curiosidades

Segundo especialistas, Israel é um dos melhores destinos para viajar

O Ministério do Turismo de Israel tem muito a comemorar. Com crescimento de turistas batendo recordes mês após mês, o destino figurou entre os melhores destinos para se viajar em 2020 nas listas de diversas publicações.

No TripAdvisor, uma das principais fontes de consulta para viajantes, Tel Aviv ocupou a 25ª posição no 2019 Travellers’ Choice, seleção anual produzida pela ferramenta. Ainda globalmente, a Forbes anunciou sua lista com Os 20 Melhores destinos para 2020 e a cidade conquistou o 2º lugar. Na lista brasileira da Forbes com os 5 melhores lugares para viajar em 2020, Israel também conquistou o 2º lugar. Tel Aviv ainda marcou presença no 7º lugar da lista Para onde viajar em 2020, que reúne as novas tendências de viagem para o próximo ano baseadas em dados da plataforma Skyscanner, o 5º lugar na lista de Destinos Tendência para 2020 do Google, baseado nas pesquisas feitas em sua plataforma de viagem, e no 2º lugar da seleção dos 30 melhores lugares para visitar em 2020 do MSN Brasil.

Em sua seleção anual dos 20 melhores destinos, o júri selecionado pelo jornal O Estado de S.Paulo elegeu o país Israel como 6º melhor destino do mundo para viajar em 2020. No Prêmio Viaja Bi! 2020, Israel conquistou do júri especializado a 7ª posição como melhor destino em 2020 para o público LGBT+. Destinos menos populares para viajantes brasileiros, como Cesareia, que fica ao norte do país, também garantiram uma posição na lista publicada pelo site Travel+Leisure dos 50 melhores lugares para viajar em 2020, ficando em 12º lugar.

As indicações coincidem com o recorde histórico de turistas que Israel recebeu em 2019. Foram mais de 4,5 milhões de turistas entre janeiro e dezembro. Em comparação a 2018, o número é cerca de 11% maior. O mês de dezembro, impulsionado pelas comemorações de Natal, teve um aumento de 10% em relação ao ano anterior. O Brasil é o 13º mercado e o principal da América Latina, com cerca de 82,1 mil turistas (foram 5,1 mil só em dezembro), 31% a mais do que em 2018 e com crescimento de 50% nos dois últimos anos.

Esses resultados reforçam o trabalho que o Ministério do Turismo de Israel vem desenvolvendo no Brasil através de treinamentos e ações junto ao mercado e investimentos em infraestrutura turística no país. O Ministro do Turismo, Yariv Levin, comemora as indicações: “Israel é um destino diverso, seguro, de coexistência e que oferece possibilidades variadas ao turista, da agitação de Tel Aviv à cidade sagrada de Jerusalém, passando pelas praias com 360 dias de sol em Eilat e pelos mistérios da natureza no Mar Morto. Nos deixa imensamente felizes ver que o mundo está conseguindo perceber Israel como uma das principais opções para suas próximas férias”.

O foco do país é nos novos visitantes. “É um destino encantador, os turistas que já nos visitaram querem voltar. Nosso trabalho constante é apresentar o país a novas pessoas para que possam ter sua primeira experiência conosco”.

Comentários