A viola caipira de Paulo Freire e a guitarra de Danilo Moraes se juntam para contar a história de um rapaz que se torna cunhado de um lobisomem. As canções são originais e abordam as verdades científicas desse ser, assim como as formas de transformação e cura.