O armador Stephen Curry, do Golden State Warriors, está relacionado para a partida contra o Toronto Raptors, na madrugada de amanhã, depois de mais de quatro meses afastado por uma fratura na mão esquerda.

O departamento médico do time da Califórnia liberou o jogador para voltar a atuar na revanche das finais da NBA do ano passado, que foram vencidas pelo Toronto após seis jogos. O tricampeão da NBA perdeu 58 partidas depois que Aron Baynes, do Phoenix Suns, caiu sobre sua mão, em outubro do ano passado.

Curry treinou na segunda-feira com o Santa Cruz Warriors, time da liga de desenvolvimento da NBA afiliado ao Golden State, para voltar a ter ritmo de jogo. O jogador já esperava ter voltado no último domingo (1) contra o Washington Wizards, porém não teve aval médico.

O jogador, que tem média de 20,3 pontos, 6,5 assistências e 5,0 rebotes nas quatro partidas em que atuou na temporada, fará seu primeiro jogo ao lado do ala Andrew Wiggins, que se juntou ao elenco do Warriors após a troca com o Minessota Timberwolves que envolveu D’Angelo Russell, Jacob Evans e Omari Spellmann.

“Estou muito animado com seu retorno. Sinto que todo mundo está. Ele é o tipo de jogador que sozinho mudará a maneira da equipe jogar, e para melhor. Então, eu estou empolgado. Ele é um divisor de águas.”

Comentários