Carro-chefe da NVIDIA ‘Ada Lovelace’ pode ter 18.176 núcleos CUDA e 48 GB de memória

Carro-chefe da NVIDIA ‘Ada Lovelace’ pode ter 18.176 núcleos CUDA e 48 GB de memória

Ao que tudo indica, a NVIDIA está preparando um monstro, que pode em breve sair da jaula. Ou melhor, uma "besta", como apelida carinhosamente o informante Kopite7kimi, que trouxe na última segunda-feira algumas informações sobre essa placa que deve ser a mais potente das novas SKUs da GPU "Ada Lovelace". O mesmo informante já havia dito que teríamos uma placa com especificações insanas e, de fato, é de botar medo se tudo se confirmar.

De acordo com as novas informações, a placa gráfica que balançará com as bases da arquitetura "Ada Lovelace" —e apresentará uma configuração ligeiramente reduzida, "AD102-450-A1"—, apresentando 142 multiprocessadores stream (de uma referência total de 144 SMs) em 18.176 núcleos CUDA.

Com base em uma velocidade de clock de cerca de 3 GHz, esta placa ultrapassará facilmente a barreira de computação de 100 TFLOPs. Diz-se ainda que a placa gráfica está equipada com 48 GB de memória GDDR6X rodando em uma interface de barramento de 384 bits.

A placa poderá ser classificada para cerca de 800 W de TGP —quase o dobro da RTX 3090 Ti. Considerando que um único conector de 16 pinos pode fornecer apenas 600 Watts de potência, uma configuração de conector duplo de 16 pinos terá que ser utilizada para este monstro de placa se isso se tornar realidade. A placa gráfica pode utilizar o PG137-SKU0.

A NVIDIA também parece que não vai reter as especificações de VRAM, e apresentar os mais recentes módulos de memória de 24 Gbps, fornecendo até 1.152 TB/s de largura de banda VRAM para a GPU. Isso representa um aumento de 14% na largura de banda da memória em comparação com a atual RTX 3090 Ti, que possui matrizes de memória de 21 Gbps. A próxima RTX 4090 também deverá utilizar os mesmos moldes de memória de 21 Gbps, com apenas o modelo 'Ti' principal recebendo os moldes de 24 Gbps.

A expectativa é que este modelo seja mesmo destinado ao varejo, mas também não é possível ter certeza se essa é uma amostra de engenharia de uma RTX 4090 Ti ou alguma outra variante de ponta da BFGPU de última geração.

Interessante…. O usuário Kopite não indicou nenhum nome possível para esta placa Nvidia Ada RTX 40 top de linha até agora. Apenas indicou como "BESTA". Enfim, com esse chip Ampere, a matriz GA102 foi habilitada apenas para RTX 3090 Ti BFGPU e RTX A6000. Por outro lado a Nvidia optou por não oferecer um cartão da classe Titan com Ampere, o que deixa o Titan RTX baseado em Turing em 2018 como o último Titan. O Titan RTX apresentava 4.608 núcleos CUDA, um aumento de 1.770 MHz, 24 GB GDDR6 VRAM e um TGP de 280 W. Falando nisso, é importante notar que o AD102-450 pode nem ser lançado ao público ou pode até ser adiado para um lançamento no meio do ciclo, mas o fato é que essa GPU está de fato em andamento. Vale a pena ressaltar que não é incomum para os fabricantes de chips projetar um SKU principal e reduzi-lo ou dividi-lo em SKUs mais baixos para maximizar os rendimentos. De fato, é possível que os primeiros vazamentos referentes aos cartões Lovelace possam ter referenciado esse mesmo SKU. Por exemplo, um dos primeiros vazamentos sobre o AD102 indicou que a GPU contará com 18.432 núcleos CUDA. Mais tarde, soubemos que o AD102 tinha um limite de potência de 800 W. As informações nesses vazamentos podem muito bem ter se originado desse SKU AD102-450. Enfim… É isso aí!

Confira a publicação original

Facebook Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.