O rumor já não é novo mas ganha agora um novo fôlego: o ator Idris Elba publicou um tweet misterioso em que diz: “O meu nome é Elba, Idris Elba” – remetendo para os filmes de James Bond. As reações dos seus 2,5 milhões de fãs foram entusiásticas. Será que ele vai ser mesmo o primeiro ator negro a interpretar no cinema o papel do agente secreto 007?

Cinco horas depois, o ator voltou ao Twitter para publicar uma foto do grupo Public Enemy e a frase: “Não acreditem no hype”. Esta frase é ainda mais misteriosa do que anterior porque Don’t Believe the Hype é o título de uma das canções mais conhecidas deste grupo mas “hype” também é algo que está na moda ou que está ser muito falado:

Estes comentários surgem dias depois de, em declarações ao Daily Star, o realizador Antoine Fuqua referir uma conversa com a amiga e produtora Barbara Broccoli em que ela terá afirmado que “já é tempo” para um ator não-branco interpretar James Bond. Barbara Broccolli é filha de Albert “Cubby” Broccoli, um dos produtores responsáveis pelo primeiro filme de Bond, com Sean Connery.Barbara Brocolli começou a trabalhar na produção dos filmes de Bond aos 17 anos e foi a principal responsável pelos filmes com Pierce Brosnan e Daniel Craig.

Nessa conversa, Fuqua terá respondido: “Idris poderia fazê-lo se estiver em boa forma. Precisas de um homem com uma forte presença física.” Porém, nenhum dos representantes de Fuqua, Broccoli ou Elba confirmou a existência de negociações nesse sentido.

Desde 2014, pelo menos, que o ator de 45 anos é apontado para o papel que nos últimos anos pertenceu a Daniel Craig. Elba, conhecido pelas suas participações em Star Trek: Além do Universo (2016), Mandela: Longo Caminho para a Liberdade (2013) e da série de televisão Luther, já disse uma vez, em 2016, que se achava demasiado velho para o papel mas nunca, de facto, afastou totalmente a hipótese.