Música, mas também Cinema, Programa Educativo e Infantil, Fórum de Ideias, Roteiro Cultural, Chuva de Poesia e a Exposição “Os Modernistas. Amigos e Contemporâneos de Amadeo de Souza-Cardoso. Colecção Milennium BCP” que vai estrear no dia 20 de julho, primeiro dia do festival, e que vai ficar na cidade para lá da edição 2018 do Mimo. Propostas para usufruir em Amarante mas também para participar como é o caso do Fórum de Ideias e do Programa Educativo com oficinas, workshops e masterclasses de vários artistas que vão atuar no festival.

Inscrições abertas até 15 de julho para workshops como “A Escuta Musical” do pianista norte americano Matthew Whitaker, “As Vozes Femininas na Tradição Griot Africana” com Noura Mint Seymali, cantora da Mauritânia, ou “O Feminino na Música Instrumental” com a guitarrista portuguesa Marta Pereira da Costa, entre muitas outras propostas disponíveis em mimofestival.com/portugal .

No site também encontra os temas do Fórum de Ideias; d'”A sonoridade atual da música urbana brasileira” com os Baiana System e Otto até “O Património Europeu – Fonte de Criação Contemporânea e Inspiração” com Shona MacCarthy, directora executiva do maior festival de artes do mundo, o Festival de Edimburgo a que se vai juntar Vitor Belho, organizador local da Womex 2014 e 2016 – conferência internacional – que se realizou em Santiago de Compostela e da Womex 2018 que vai acontecer em Las Palmas, na Gran Canária, em Espanha.